Manter o engajamento nas empresas deve ser uma preocupação constante de gestores e empreendedores, independentemente do porte da companhia. Nesse momento que estamos vivenciando, de crise política, financeira e moral em nossa sociedade, buscar um comprometimento de todos no ambiente profissional pode significar a manutenção da sua atividade no mercado corporativo.

Este post tem como objetivo passar algumas dicas para que você possa tornar a sua equipe mais capacitada e mais engajada e, com isso, alavancar os resultados da sua empresa.

Se você é um gestor ou um empreendedor que está em processo de implantação de um novo sistema informatizado, seu lugar é aqui. Confira!

As novas tecnologias disponíveis

Nas últimas décadas, a tecnologia da informação trouxe para as empresas uma série de ferramentas que auxiliam a gestão e facilitam o dia a dia dos líderes gestores.

Sistemas informatizados — cada vez mais automatizados, amigáveis e seguros — mudaram por completo a maneira como os negócios são conduzidos. A evolução das comunicações, e o desenvolvimento de aplicativos que funcionam nos equipamentos móveis, como smartphones e tablets, possibilitaram a implantação de uma nova forma de administrar.

A interconectividade atual, associada à utilização das redes sociais, propiciou um novo cenário para a gestão empresarial. Hoje, não há limitação de tempo e de local. Todos podem acessar as informações em qualquer local e em qualquer momento.

Mas toda tecnologia se torna inócua e inoperante se não houver pessoas preparadas e comprometidas com o desempenho da organização.

Assim sendo, listaremos, a seguir, 9 dicas para você treinar e engajar a sua equipe para as novas tecnologias. Confira!

Guia de Gestão de Equipes

1. Conheça a sua equipe

O primeiro passo que você deve dar para montar uma equipe engajada é conhecê-la a fundo. Procure conversar e compreender os seus colaboradores. Mostre-se interessado por suas vidas pessoais e os incentive a dar continuidade aos estudos. Mantenha uma afinidade com eles, gerando confiança e segurança mútuas. Enfatize a prática de exercícios físicos e a preocupação com uma vida saudável.

Manifeste a sua satisfação em tê-los no seu time e explique a importância que cada um tem na estrutura da empresa. Todos possuem a sua responsabilidade e a sua relevância na evolução dos negócios.

Elogie, em público, os que mereçam destaque. Caso haja a necessidade de chamar a atenção de alguém, o faça de maneira individual, evitando, assim, a divulgação excessiva do fato.

2. Realize treinamentos específicos

Realize treinamentos específicos para todos os funcionários da sua empresa que terão contato ou serão influenciados pelas novas tecnologias que estão sendo implantadas. Dê condições para que os treinamentos sejam feitos em momentos de total disponibilidade, sem interrupções e em um ambiente propício ao aprendizado.

Cursos de utilização de ferramentas informatizadas precisam ser feitos com a utilização maciça de equipamentos. Dê tranquilidade aos participantes, pois o tempo investido em uma boa formação será compensado, futuramente, com um melhor desempenho de seus funcionários.

3. Forneça as ferramentas necessárias

Forneça a todos ferramentas necessárias para um bom desempenho de suas tarefas. Equipamentos bem dimensionados, e com todos os softwares disponíveis, são fundamentais para o êxito das atividades.

Avalie se sua infraestrutura está devidamente preparada e calibrada para as exigências do novo ambiente. Se necessário, contrate profissionais para uma avaliação in loco de seu parque tecnológico, servidores e aparelhos de comunicação.

4. Faça reuniões motivadoras

Faça reuniões motivadoras com sua equipe. Envolva seus colaboradores em jogos e simulações do ambiente profissional, a fim de uni-los e mostrar a importância da ajuda mútua para atingir os objetivos propostos.

No mercado, há inúmeras empresas voltadas para treinamentos motivacionais e comportamentais. Uma fatalmente lhe atenderá. Profissionais autônomos experientes também podem conduzir esse tipo de capacitação.

5. Automatize o máximo possível

Automatize tudo o que for possível! Isso ajuda a acelerar as atividades e assegurar melhores resultados nos procedimentos operacionais. Com esse tipo de solução, é possível diminuir as chances de retrabalhos.

Mantenha um fluxo de trabalho evolutivo e contínuo. Estabeleça canais de comunicação com outras empresas, instituições bancárias e governamentais, garantindo maior rapidez e segurança nas transferências de dados.

Aproveite o momento de implantação de um novo sistema para se adaptar a ele. Normalmente, esses sistemas já trazem em seu bojo as melhores práticas de gestão. Alinhe-se a elas. Modernize sua forma de administrar e use as melhores práticas!

6. Cerque-se de pessoas experientes

Outro ponto importante para que você tenha uma equipe engajada e treinada, é cercando-se de pessoas experientes e que conheçam:

  • a sua empresa;

  • a sua forma de gerir;

  • os seus processos.

Isso traz uma segurança para os demais integrantes do time, dando-os tranquilidade para desempenhar as suas funções da melhor forma possível.

Coloque essas pessoas em posição de destaque e dê a elas autonomia para auxiliarem na condução dos seus negócios.

7. Dê e incentive o feedback

Dê feedback para seus liderados e incentive que todos sigam essa mesma política. Normalmente, aqui no Brasil, não temos muito a cultura de dar retorno para as pessoas de como elas estão executando as suas tarefas.

O feedback é de suma importância para a melhoria contínua das rotinas operacionais e, também, para uma melhor avaliação de como cada membro da equipe está se comportando.

Peça, inclusive, que lhe deem um retorno sobre o seu próprio desempenho. Aprenda com os feedbacks. Evolua! Melhora seu desempenho!

8. Defina metas factíveis

Defina as metas que deverão ser buscadas e apresente-as para todos. Estabeleça metas para a empresa, para cada setor e, se possível, até para cada colaborador. As metas devem ser factíveis, caso contrário podem gerar uma desmotivação generalizada. Uma meta inalcançável consegue ser mais danosa para a empresa do que a falta de determinação das próprias metas.

9. Acompanhe o desempenho dos colaboradores

Faça corriqueiramente o acompanhamento do desempenho de seus colaboradores. Apresente as metas e o cronograma para o cumprimento delas. Pode ser dado algum incentivo àqueles que melhor se destacaram. O incentivo é sempre um ótimo — seja um reconhecimento público ou mesmo uma folga inesperada.

Divulgue o resultado e discuta com todos o que de melhor e o que de pior aconteceu. Peça sugestão às pessoas. Dê liberdade de expressão e não corte a linha de raciocínio de ninguém que estiver explanando. Boas ideias surgem a cada momento e, às vezes, podem auxiliar enormemente no êxito de seu negócio.

Agora que você já viu algumas dicas de como melhorar o engajamento nas empresas, assine a nossa newsletter e receba informações sobre sistema de gestão online e outras notícias para as pequenas e médias empresas.

EGestor - Software online de gestão empresarial para pequenas empresas

Escrito por eGestor
O eGestor é um software online para gestão de micro e pequenas empresas. Teste gratuitamente em http://www.egestor.com.br