Um aspecto importantíssimo para qualquer negócio é apresentar ao cliente boas alternativas de pagamento. O pagamento através de boleto bancário é sem dúvidas, uma destas formas. O boleto é um documento muito utilizado no Brasil, tanto para o pagamento de produtos, quanto para serviços. Esta forma de pagamento apresenta  vantagens, tanto para quem paga, quanto para quem recebe. Os clientes geralmente acham mais seguro o pagamento através de boletos. Principalmente devido a credibilidade que as informações contidas visualmente no papel apresentam. Além de também possuir taxas mais baixas se comparadas a outras formas de pagamento, como cartões de crédito, por exemplo.

Devido a estes fatores, os boletos muitas vezes acabam se tornando a primeira opção de pagamento. Levando isto em conta, eles também podem ser uma boa oportunidade para as empresas, que podem oferecer descontos para quem efetua o pagamento desta forma, e também para atrair novos clientes, que não possuem um cartão de crédito próprio, ou que tem um certo receio de utiliza-los em lojas virtuais, por exemplo. Já que não tem a mesma transparência de um processo de boleto bancário. O eGestor realiza a emissão de boletos tanto boletos registrados, quanto sem registro.

Diferenças entre o boleto com registro e sem registro

A principal diferença entre esses dois tipos de boleto, está no que diz respeito a inscrição junto ao banco. Como o nome já diz, o boleto com registro deve ter todas as suas informações registradas no sistema do banco, e para a emissão, o processo é bastante burocrático, pois deve ser enviado um arquivo de remessa ao banco com todas os dados de transação, o que não precisa ser feito no caso de um boleto sem registro.

Os boletos não registrados apresentam taxas bem menores em relação aos boletos com registro. Já que no caso dos boletos registrados, são cobradas diversas tarifas referentes ao processo de registro, já no caso dos boletos sem registro, só é cobrada taxa em caso de pagamento do boleto realizado diretamente por meio do banco. Mas apesar da burocracia e de um custo maior, o boleto registrado apresenta vantagens. A emissão do boleto com registro permite que seja feito o protesto junto ao cartório em caso de inadimplência de algum cliente, portanto é muito mais seguro do que um boleto não registrado.

Agora, entenda como funciona o processo de emissão de boletos no eGestor: 

Como realizar a emissão de boletos no eGestor

O processo de geração de boleto no eGestor é bastante simples. Basta ir até o Menu boletos e então clicar em novo. O boleto que será gerado deve ser emitido pelo menu financeiro ou então no menu de vendas. O financeiro disponibiliza todas as contas a serem pagas e recebidas. Basta selecionar qual a conta que deseja emitir o boleto bancário. No caso das vendas, basta escolher uma das vendas registradas no sistema que você deseja emitir o boleto ao seu cliente. Feito este processo, o boleto será gerado no menu de boletos, como dito anteriormente. Neste menu você terá diversas informações referentes ao boleto que foi emitido: Código, descrição, tipo de documento, contato, data de vencimento, valor e a situação daquele boleto, se já foi pago ou se ainda segue pendente.

Remessa para o banco

O processo de remessa para o banco serve apenas para os boletos registrados. Os boletos sem registro não precisam ser enviados para homologação pelo banco, como já explicamos anteriormente. Os critérios utilizados para a remessa pode variar de acordo com os bancos. Mas geralmente este processo de homologação consiste na geração de cerca de 10 a 20 boletos fictícios, como uma forma de comprovação ao banco que o emissor está apto a realizar a cobrança aos seus clientes por meio daquele boleto.

Para enviar o documento para a remessa no banco através do eGestor, basta ir até a listagem de boletos fictícios emitidos no sistema e então clicar em gerar remessa. Feito isso, é necessário aguardar a validação do boleto por parte do banco, para a emissão verdadeira daquele boleto. Ainda no menu de boletos, o item “Retorno do Banco” mostra o andamento da solicitação junto ao banco, contendo o arquivo informações referentes ao pagamento, para qual banco foi pedido a homologação, a data de envio da solicitação, e por fim a conclusão, que será informado quando o boleto registrado estiver completamente apto para a emissão verdadeira.

Com o boleto devidamente validado pelo banco, basta solicitar ao seu gerente bancário o download dos arquivos de retorno do banco e então no menu de retorno do eGestor utilizar o botão “novo” para enviar todos os arquivos os seus boletos no sistema. Lembrando que  no eGestor você pode emitir 10 boletos gratuitamente antes de assinar um dos planos profissionais oferecidos pelo sistema.

Possui alguma dúvida? Entre em contato conosco clicando aqui.

EGestor - Software online de gestão empresarial para pequenas empresas

Escrito por eGestor
O eGestor é um software online para gestão de micro e pequenas empresas. Teste gratuitamente em http://www.egestor.com.br