robinson shiba china in box

Uma das melhores formas de fortalecer o espírito empreendedor é conhecer exemplos de negócios que deram certo. Todo mundo procura uma base em que se espelhar ou se inspirar. Robinson Shiba, um corajoso empresário paranaense, é um desses grandes modelos do empreendedorismo brasileiro.

Natural de Maringá, no Paraná, Shiba reconhece que teve influências importantes em seus negócios: seu pai e seu avô. O pai porque era dentista e Shiba também cursou Odontologia em sua juventude. Do avô ele herdou a alma de empreendedor, área na qual atuava. A atitude deles marcou profundamente Shiba a alcançar seus objetivos no futuro e se tornar um empresário de sucesso atualmente.

Durante a graduação na área de Odontologia, Robinson viajou com alguns amigos da faculdade aos Estados Unidos, onde pôde aperfeiçoar seu conhecimento na língua inglesa e morar no país por um ano. Após sofrer um assalto, Shiba passou por dificuldades financeiras, obrigando o jovem universitário a trabalhar em restaurantes como entregador de pizzas, lavador de pratos e outros serviços feitos em restaurantes de comida rápida.

Foi nessas ocasiões que Robinson percebeu a alta procura do público por comidas prontas. Com o espírito empreendedor já familiar, Robinson refletiu sobre o impacto que isso ocasionaria na população brasileira e decidiu se preparar para levar esse mercado ao Brasil. Estudando todos os passos realizados na venda e consumo de fast-foods nos Estados Unidos, Shiba foi detectando pontos a serem corrigidos ou melhorados e continuou a trabalhar em diversos restaurantes a ponto de criar suas próprias estruturas de como seria sua empresa.

O consumo de comida chinesa era bem incomum na década de 80. Shiba estudou, por dois anos, todas as etapas dessas situações e notou que o investimento em comida chinesa poderia decolar e se tornar um sucesso.

Como o pedido em domicílio era algo comum em restaurantes, Shiba pensou em fornecer comida chinesa em caixinhas de papelão. Existiam poucas opções de comida em domicílio na época e comida chinesa seria um diferencial. Pensando nessa realidade no Brasil, Robinson já visava no êxito que teria.

Voltando ao Brasil, Robinson Shiba pediu um empréstimo financeiro a seu pai, informando todos os seus planos. O empréstimo seria fornecido caso Shiba terminasse seus estudos na faculdade.

Embora ganhado estabilidade em trabalhar como dentista (Robinson possuía três consultórios), ele ainda não estava totalmente satisfeito. Ele ainda queria ver seu negócio de tele entrega de comida chinesa decolar. Frente à crise financeira durante o governo Collor, Robinson não desistiu. Ele pegou o financiamento oferecido por seu pai após perceber a inauguração de fast-foods de comida chinesa em alguns shoppings de São Paulo. Como nenhum deles ainda trabalhava com o serviço de tele entregas, Shiba ainda via seu negócio como algo inovador.

China In Box

Tendo vendido um apartamento, dois consultórios, casado e pai de um filho recém-nascido, Robinson arriscou-se muito e abriu seu primeiro restaurante, o China in Box, em São Paulo, em 1992. Fazendo a própria divulgação do restaurante, Robinson saía de casa e distribuía folhetos em prédios vizinhos. Havendo alguém para ajudá-lo, ele oferecia vales-yakissoba.

A confiança de Shiba em seu negócio era tão grande que sempre pensava nas melhorias vistas nos restaurantes que trabalhou e as implantava no seu, como a garantia de higiene dos alimentos na preparação dos pratos. O local tinha a cozinha exposta aos consumidores, no qual comprovavam que as comidas ali eram feitas da melhor forma possível e com todo o cuidado.

Com dois anos de mercado, Robinson pediu ajuda de um consultor para auxiliá-lo a entender o mercado gastronômico e quais as estratégias que ele poderia adotar para melhorar seu restaurante. O esforço foi árduo, mas após esse período, o sucesso foi tão grande que Robinson decidiu tornar o China in Box em uma rede franqueada, abrindo mais 60 unidades.

Gendai

Mesmo diante do êxito, Shiba também enfrentou dificuldades em 1998, quando ele admitiu que estava tendo problemas com custos e na gestão das unidades e dos pratos oferecidos. Foi aí que Robinson percebeu que precisava se reorganizar. Contratou funcionários mais experientes no assunto, estudou técnicas de aproveitamento de materiais para produção dos alimentos e começou analisar melhor a prática com negociadores. Visando o futuro, o empresário conseguiu fortalecer ainda mais a franquia e se tornou sócio do restaurante Gendai, que também se expandiu para outras regiões do Brasil.

Ao se unir com o amigo e empresário Carlos Sadaki, Shiba criou o grupo Trend Foods, um conglomerado de restaurantes de comida asiática com mais de 200 unidades espalhadas pelo país.

Mesmo enfrentando crises e algumas dificuldades, a sociedade atingiu um patamar num nível muito alto, a ponto de atender públicos emergentes mais segmentados. Pessoas que preferem sair com a família e os amigos para comer e se divertir é um desses perfis que Shiba pretende atingir e oferecer maior satisfação e comodidade, tanto é que adicionou cadeiras e mesas em seus restaurantes de tele entrega, a fim de atender também a esse público.

Ebook Crescimento Empresarial

Shark Tank Brasil

Histórias como a de Robinson Shiba ajudam a compreender ainda mais como ir mais a fundo nos investimentos de qualquer negócio. Hoje, ele é um dos “tubarões” do programa Shark Tank Brasil, no canal Sony. Um bom modelo desses é ótimo para motivar outros empreendedores em potencial.

Mas, antes de tudo, é necessário ter coragem, iniciativa e vontade de crescer frente a qualquer dificuldade que apareça. O fato de incorporar estratégias criativas e eficientes não só auxiliam seu negócio, mas a questão é aprender a usá-las da maneira correta. Robinson Shiba fez isso. Ele procurou conhecer como elas funcionam e como poderia adaptá-las ao seu negócio.

Como empreendedor ativo no mercado ou ainda em perspectiva, você pode usar o exemplo de Shiba para fazer seu negócio crescer e pôr suas ideias em prática. Da mesma forma que o planejamento que o grande empresário de comida asiática fez o ajudou a se preparar para o futuro de sua empresa, você também pode começar a se planejar agora. Afinal, para quem pensava em ter um lucro extra com serviços odontológicos, ele chegou bem mais na frente, não é?

Assista uma palestra do Robison Shiba na Endeavor

Gostou do texto? Deixe um comentário !

EGestor - Software online de gestão empresarial para pequenas empresas

Escrito por eGestor
O eGestor é um software online para gestão de micro e pequenas empresas. Teste gratuitamente em http://www.egestor.com.br