5 dicas para montar um negócio familiar

Abrir um negócio familiar é o sonho de muitos empreendedores e pode ser a solução ideal para atender à demanda de um mercado mais local ou regional. Apesar das evidentes vantagens inerentes a esse modelo de gestão, é preciso tomar alguns cuidados para que o sonho não acabe virando um pesadelo — tanto do ponto de vista financeiro, como também do ponto de vista afetivo. Para que você não corra esses riscos, resolvemos destacar, ao longo deste artigo, algumas dicas fundamentais para quem deseja empreender em família. Quer saber mais para não cair nas pegadinhas desse modelo de negócio? Então confira agora mesmo:

Trace um plano

Antes mesmo de iniciar as operações, é aconselhável que o administrador realize uma reunião com todos os membros da família envolvidos no empreendimento. O ideal é que todos sejam ouvidos e que haja, ao menos em relação aos principais pontos, um consenso. É importante, já nesse momento, estabelecer a responsabilidade e a disponibilidade de cada um, para se evitar possíveis problemas no futuro.

Decida racionalmente

Uma das maiores dificuldades em se gerir um negócio familiar é desenvolver a habilidade de separar a emoção e a intuição do pensamento racional e lógico, evitando que decisões sejam tomadas com base em critérios nada confiáveis. Uma boa dica é adquirir o hábito de trabalhar com relatórios que traduzam os resultados da empresa diante de determinadas circunstâncias objetivas. Assim, com a análise de situações reais por meio de números e estatísticas, fica mais fácil focar no propósito concreto, sem maiores abstrações ou desvios.

Avalie seus colaboradores

É muito comum que, em pequenas empresas familiares, os funcionários sejam avaliados e valorados de acordo com a antiguidade na função. Não há nada de errado com isso, mas não se pode esquecer de avaliar a produtividade e a eficiência de cada colaborador, independentemente do tempo de casa e da maior ou menor proximidade com a família. A objetividade se aplica a essa avaliação também!

Guia de Gestão de Equipes

Personalize o relacionamento com os clientes

O fato de muitos dos clientes da empresa serem — ou se tornarem — amigos da família, vizinhos ou moradores do mesmo bairro é um fator positivo para o negócio, já que um atendimento personalizado pode ser o que diferencia uma empresa familiar de uma grande rede. Além do mais, muitas pessoas sentem uma empatia maior por um negócio administrado e operado por uma família esforçada, sobretudo se ela estabelecer um nome respeitado pelo mercado.

Evite os jogos de poder

Sabe-se que, no plano pessoal, uma família tem uma estrutura em que os pais representam figuras de autoridade e os cônjuges estão sempre cedendo mutuamente às vontades e aos desejos um do outro. Na administração de um negócio, entretanto, é preciso tomar cuidado para não sufocar a criatividade dos colaboradores através da adoção de uma postura demasiadamente autoritária. A comunicação deve ser objetiva e direta e a habilidade política e de persuasão não podem se tornar o motor da empresa.

Pode-se notar, portanto, que o negócio administrado em família tem tanto seus prós como seus contras. É importante que o empreendedor esteja atento aos dois lados, para que possa administrar corretamente o empreendimento, explorando ao máximo as vantagens de que dispõe e buscando sempre mitigar os fatores adversos. É evidente que cada caso tem suas particularidades, mas, em geral, saber separar o pessoal do profissional e buscar estabelecer um método eficaz de comunicação com a equipe já é um ótimo e promissor começo.

Consultor do Sebrae fala sobre empresa familiar

E então, pronto para se reunir com a família e começar a tirar os planos do papel? Comente aqui e compartilhe conosco seus projetos! Ficou ainda alguma dúvida ou tem uma sugestão a dar? Participe e divida suas ideias!

Conheça o eGestor, um software online para gestão de micro e pequenas empresas.

EGestor - Software online de gestão empresarial para pequenas empresas

Escrito por eGestor
O eGestor é um software online para gestão de micro e pequenas empresas. Teste gratuitamente em: https://www.egestor.com.br