medicamentos

O mercado de medicamentos é bastante concorrido, mas isso não significa que novas empresas não possam lucrar. E, independentemente do tamanho delas, qualquer uma pode liderar o segmento de atuação, desde que tenha bons profissionais e não cometa erros.

O setor farmacêutico cresce constantemente para atender às demandas de um país com mais de 200 milhões de habitantes. Por isso, empreendedores sempre estão interessados em negócios nessa área. Nesse artigo, lhe mostraremos como abrir uma empresa distribuidora de medicamentos. Leia até o fim para saber tudo o que é necessário para não cometer erros e lucrar com sua organização.

Localização da empresa

A localização é importante, pois pode decidir o futuro do negócio. Nesse segmento, você não precisa escolher um ponto com muito movimento, e isso significa economia. O importante é descobrir uma localização acessível ao público que você deseja atingir. Outro critério que é preciso avaliar é a infraestrutura do estabelecimento. É preciso escolher um ambiente que possibilite o bom desempenho da sua empresa.

Descubra se as ruas em torno possuem as condições mínimas de locomoção. Esse ponto, que à primeira vista parece não ter importância, influenciará diretamente na logística. Boas ruas fazem você economizar com os transportes de medicamentos. Elas devem ser asfaltadas e possuir uma estrutura mínima para o escoamento da água.

O local de escolha também deve ter as instalações básicas para o início do empreendimento. Isso facilitará a aprovação da empresa pelos órgãos responsáveis. Portanto, verifique se há água, luz, esgoto, telefone e vias para internet. Além desses critérios, a segurança é de extrema importância, tanto para seu negócio como para os clientes. E, para finalizar, veja se há locais para o estacionamento de veículos.

Em seguida, dirija-se à prefeitura para regularizar o seu estabelecimento. Você precisará de uma autorização para praticar o seu comércio no ambiente. A planta do imóvel deve ser aprovada pela administração municipal. É preciso saber, por exemplo, se houve obras no local e se elas atenderam aos critérios da prefeitura. Veja mais sobre a parte burocrática à frente.

Instalações

Você precisará de um ambiente com salas para os departamentos da empresa, além de um galpão para armazenar os medicamentos. Como você dependerá de locais para administração, telemarketing e vendas, a estrutura deve ter no mínimo três salas. Além disso, a estrutura deve conter um bom local para a garagem. Um espaço de 150 m² é de bom tamanho para iniciar o negócio.

Entre os equipamentos básicos, você precisará de balcões, prateleiras, mesa para escritório, computadores, telefones, móveis para recepção e veículos. Escolha salas arejadas, com pisos que podem ser facilmente higienizados.

O depósito de armazenamento

O seu galpão precisa estar sempre bem arejado para conservar adequadamente os medicamentos. A temperatura não deve oscilar muito de acordo com as variações climáticas. Se sua empresa trabalhará com todo o tipo de remédio, você deve saber como guardar cada um. Medicamentos controlados, por exemplo, precisam ser armazenados em áreas fechadas com chave. O galpão, no caso, precisaria de lugares especiais só para esse tipo de remédio.

E muitos medicamentos precisam de certas condições específicas para serem conservados. É o exemplo de vacinas, antitóxicos, supositórios e outros, que devem ser armazenados em um lugar muito fresco ou até mesmo em geladeiras.

Ebook manual de como abrir uma empresa

Contratação da equipe

Isso varia de acordo com o porte da empresa. Mas se você deseja abrir uma pequena, basta poucos profissionais especializados. Sua empresa precisa de um profissional (ou vários) especializado na compra dos medicamentos. A contratação de uma equipe de vendas capacitada também é de suma importância. Outros profissionais essenciais são os que realizarão a distribuição do medicamento.

É imprescindível que todos os trabalhadores tenham experiência no ramo e atuem com profissionalismo. Uma equipe capacitada fará seu negócio alavancar, mas o contrário pode levá-lo à falência.

Você fará a administração, provavelmente, então se lembre que é importante investir em conhecimento nessa área. Ao se capacitar, você estará em melhores condições para vencer a concorrência no mercado.

Processo de abertura

Empresas da área de saúde devem seguir uma legislação específica. Antes de abrir sua distribuidora de medicamentos, você precisa realizar diversos procedimentos. Deve fazer um registro na Junta Comercial e outro na Secretaria da Fazenda. Na prefeitura, você irá realizar a sua inscrição.

O alvará deverá ser retirado na Vigilância Sanitária. A lei manda que, para abrir a empresa, é preciso ter um responsável técnico habilitado, isto é, com formação superior. A empresa também deve estar registrada na instituição máxima da área, que é o Ministério da Saúde.

Conclusão

Embora seja um mercado concorrido, você pode lucrar muito com uma distribuidora de medicamentos. Basta fazer cada passo da maneira correta. Nesse artigo, mostramos tudo o que você precisa saber para atuar com eficiência e vencer a concorrência.

Faça boas pesquisas para saber os melhores pontos para o seu negócio. Contrate bons profissionais e atenda às condições mínimas de instalação. Cumpra as obrigações legais da área. Em seguida, adquira o software de gestão para ganhar em produtividade. Dessa forma, você garantirá que sua empresa seja altamente lucrativa.

Gostou do texto? Deixe um comentário!

EGestor - Software online de gestão empresarial para pequenas empresas

Escrito por eGestor
O eGestor é um software online para gestão de micro e pequenas empresas. Teste gratuitamente em: https://www.egestor.com.br