Planejamento estratégico: por onde começar

Organizar com antecedência para evitar possíveis surpresas ou imprevistos é a chave do sucesso. Contudo, muitas empresas acabam colocando todos os esforços na festa de fim de ano e esquecendo do planejamento estratégico. É preciso preparar a equipe para encarar novos desafios e avaliar o que foi feito ao longo do ano atual, evitando cair nas mesmas armadilhas do ano que passou! Acompanhe o post e saiba como preparar sua empresa para começar o ano novo com o pé direito. Confira!

Guia de Gestão Estratégia

Faça uma avaliação

Antes de começar a fazer planos para o próximo ano, é preciso, primeiramente, rever e revisar os resultados deste ano e realizar uma avaliação minuciosa de todas as movimentações que ocorreram. Tente analisar o que deu certo — para repeti-los no próximo ano, com melhorias — e o que deu errado — para corrigi-los e não cometer os mesmos erros.

Exatamente tudo que envolva o negócio deve ser analisado, como no caso de fluxo de caixa, fornecedores, contas a receber e a pagar, receitas, prejuízos. Enfim, toda e qualquer movimentação deve ser listada. Invista tempo na avaliação, o futuro do seu negócio depende de um bom planejamento estratégico!

Realize uma pesquisa de satisfação

Fim de ano é o momento ideal para realizar um balanço geral de tudo que ocorreu ao longo do ano. A realização de uma pesquisa de satisfação com seus consumidores é a melhor forma de conhecer como seu negócio está aos olhos do seu público — ou melhor, é possível saber o que o cliente pensa a respeito da sua empresa e qual a imagem que está sendo criada diante da concorrência.

Uma boa pesquisa de satisfação de consumidores possibilita que o erro seja facilmente conhecido e, assim, seja possível elaborar uma boa estratégia de melhoria para o próximo ano.

Mas não é somente de opiniões de consumidores que gestores devem se preocupar, conhecer o clima organizacional e como seus colaboradores avaliam sua empresa é fundamental para o crescimento do seu negócio. Por isso, dedique um bom tempo para escutar cada funcionário e conhecer a visão de cada um sobre a empresa. Os resultados de uma boa avaliação organizacional pode ajudar a conhecer os pontos fortes e as falhas da gestão do negócio.

Trace metas e objetivos

Um ano novo merece novas metas e objetivos. Mas muita calma nessa hora! É preciso analisar algumas coisas para que tudo saia como o planejado.

Antes de qualquer decisão, entenda que mudanças podem ocorrer até o fim do ano e que situações inesperadas podem exigir que o planejamento tome outros rumos. Então é preciso ter flexibilidade. Caso alguma meta não tenha sido alcançada em 2015, calma. Nem tudo está perdido! Veja o que impossibilitou que ela não fosse cumprida e reestruture as ideias para que dê certo no próximo ano.

Embora a crise atual do país faça muitos empreendedores temerem o futuro, é preciso manter a equipe motivada, focada e determinada em um objetivo central. Saber aonde se quer chegar é a chave do sucesso. Por isso, é preciso delinear as estratégias para que o cumprimento das atividades seja eficiente e eficaz.

Reveja os custos

Na hora de estabelecer novas metas e objetivos é preciso revisar os gastos desnecessários e cortá-los no próximo ano. Saber quando e onde diminuir custos é o diferencial de muitas empresas em meio a um cenário de incertezas e instabilidades. Por isso gestores precisam estar preparados para minimizar gastos para tomar as decisões corretas.

Reveja custos com, por exemplo, telefone, luz, água, que podem ser facilmente reduzidos com programas internos de conscientização para funcionários. Além do que, gastos com telefone podem ser substituídos por sistemas que utilizem a rede de computadores com acesso à internet — como no caso do VoIP, Skype e WhatsApp.

É preciso encarar o momento econômico atual do Brasil como algo passageiro, e que reduzir custos é a melhor forma de evitar problemas financeiros no próximo ano.

Utilize ferramentas de gestão

Fazer um diagnóstico realista sobre o próprio negócio não é uma questão fácil, e mensurar cada fato ocorrido precisa de certas ferramentas que podem ser úteis e tornar todo o processo mais facilitado.

A escolha de um sistema ERP que auxilia na gestão depende, principalmente, da identificação das reais necessidades do negócio. Dependendo da situação em que a empresa se encontra, o uso de um sistema adequado pode auxiliar na elaboração de um planejamento estratégico assertivo e que dê bons resultados.

Isso possibilita a boa penetração ou manutenção da empresa no mercado, oferecendo estratégias para alavancar os negócios frente a concorrência.

Definir o planejamento adequado ajuda a organização a entender melhor as necessidades da empresa, identificando sua posição no mercado atual e auxiliando no processo de melhoria dos negócios. Projetar o futuro influenciado pelas situações levantadas do presente é essencial na elaboração de uma ação estratégica e que dê resultados positivos para o próximo ano.

Invista na capacitação dos colaboradores

Se você deseja que sua empresa cresça, capacite seus colaboradores para alcançar o sucesso nesse novo ano. Mudar, criar ideais e diretrizes ou mesmo propor novos produtos exige investimento e capacitação da sua mão de obra. O sucesso da empresa é, em grande parte, a satisfação dos seus colaboradores —- que trabalham mais satisfeitos e buscam sempre o melhor no desenvolvimento das atividades.

Ter funcionários capacitados e bem preparados para o desenvolvimento de novas estratégias é em grande parte responsabilidade da empresa. Por isso, proporcione cursos, workshops, capacitações e treinamentos aos seus colaboradores, levando para a empresa resultados positivos na gestão dos negócios.

Gostou de saber por onde começar o seu planejamento estratégico? Então entre em contato conosco e saiba das outras formas como podemos ajudar no sucesso do seu negócio!

EGestor - Software online de gestão empresarial para pequenas empresas

Escrito por eGestor
O eGestor é um software online para gestão de micro e pequenas empresas. Teste gratuitamente em: https://www.egestor.com.br