Inovação: o caminho para qualquer negócio

Inovar, atualmente, é uma palavra de ordem em qualquer empresa, não importa o tamanho. Como uma exigência, inovação se tornou prioridade nos negócios, uma recompensa obrigatória no caminho dos negócios: quem não buscá-la não sobrevive, parecem soar todos os manuais do empreendedor moderno.

Essa necessidade é própria da atividade empreendedora. Inovar, basicamente, significa pegar algo que está funcionando e fazer diferente, fazer com que o cliente enxergue no seu produto ou serviço algo melhor do que o do concorrente. Dessa forma, a inovação estará gerando valor, e essa percepção é condição essencial para se manter no mercado.

Inovação não é um objetivo fácil, entretanto. Inovar exige disciplina, dedicação e muita capacidade de aprender com os erros. E, claro, de assimilar as quedas.

Um ponto de partida útil para uma empresa que pretende inovar é ter planejamento. Em qual setor é preciso mudar alguma coisa? Onde eu posso agregar valor? Crie um plano de metas para que sua empresa saiba o que fazer e quais são os objetivos.

Os modelos

São quatro os modelos de inovação: criar um novo produto ou serviço, criar uma nova tecnologia, transformar processos e transformar modelo de negócios. Mas lembre-se: inovação não é criatividade. Pessoas muito criativas não são necessariamente inovadoras e vice-versa. Para inovar nos negócios, além da criatividade, é preciso encontrar capacidades que transformem as boas ideias em algo prático.

Também é importante combinar áreas do conhecimento para pensar na inovação. Muitas vezes, a ideia não vem somente do estudo do seu negócio e do mercado. Vem de lugares diferentes e incomuns, como de uma sala de cinema ou de uma conversa informal.

A prática

Os quatro tipos de modelos de inovação podem ser aplicados em quaisquer das dicas apresentadas logo a seguir. Antes, é importante perceber que inovar tem a ver com enfrentar um dilema: deixar de fazer algo para implantar outra coisa, deixar um serviço para entregar outro. Portanto, inovação exige uma dose de ousadia. Veja as dicas abaixo:

Aproveite o inesperado

Analise seu mapa de vendas e compras, veja o que está fora da curva, se há alguma tendência. A partir dessa avaliação, sua empresa pode desenvolver alguma das modalidades de inovação.

Estude o mercado em que atua

Dessa forma, você pode descobrir necessidades que as pessoas nem sabem que precisam. Esse foi um dos principais motes de Steve Jobs, o fundador da Apple.

Guia de Gestão Estratégia

Insira seu negócio na sociedade

É importante estudar o perfil demográfico, para saber o que pode agregar valor. Se a população da cidade está envelhecendo, isso pode ser gerar uma oportunidade, por exemplo.

Fique atento às tendências

Se hoje as pessoas se preocupam com a mobilidade, então veja se sua empresa pode entrar nesse negócio. O mesmo vale para temas como saúde, bem-estar, tecnologia, entre outros.

Por último, uma dica prática. Que tal andar sempre com um bloco de anotações? Dessa forma, você não perde ideias que podem surgir em momentos fora do seu local de trabalho. Se você prefere não carregar mais um item, deixe o aplicativo do gravador do seu celular na primeira tela. Assim que tiver uma ideia, grave. Não deixe passar nenhuma ideia, por mais absurda que ela possa parecer naquele momento. Às vezes, essa ideia pode ficar adormecida e encontrar um objetivo mais para frente.

Gostou das nossas dicas? E sua empresa, como ela está praticando inovação? Comente e conte pra gente!

Conheça o eGestor, um software online para gestão de micro e pequenas empresas.

EGestor - Software online de gestão empresarial para pequenas empresas

Escrito por eGestor
O eGestor é um software online para gestão de micro e pequenas empresas. Teste gratuitamente em: https://www.egestor.com.br