5 dicas para conduzir uma boa entrevista de emprego

O objetivo de uma entrevista de emprego é ajudar o processo de seleção de profissionais para uma empresa. Sendo a entrevista uma das etapas de um processo seletivo, que pode ter testes, dinâmica em grupo e avaliação do currículo. Seja qual for o tamanho da instituição, a entrevista é muito importante para que a vaga seja preenchida pelo candidato adequado. Já que poderá suprir as necessidades descritas na vaga e contribuir de fato para o crescimento da empresa.

Geralmente, uma entrevista de emprego é feita individualmente com o candidato; seja pelo gestor da área que vai trabalhar diretamente com o profissional, seja com o setor de recursos humanos. Ou até mesmo com o dono da empresa. A entrevista deve buscar algumas informações dos candidatos. Como uma noção sobre a vida pessoal, valores educacionais e experiências profissionais passadas.

Para isso, é preciso planejar a entrevista de emprego para conseguir extrair as informações necessárias. Em casos de empresas de grande porte, as entrevistas são planejadas e feitas pelo setor interno de recursos humanos. No entanto, para instituições que não possuem este setor, há possibilidade de contratar serviços de empresas terceirizadas de recursos humanos. É importante que o planejamento comece desde a seleção de currículos, para que só cheguem à entrevista final quem realmente podem preencher a oportunidade de emprego.

Durante o processo de seleção, o entrevistador deve ter um material consistente para poder conduzir a atividade com eficiência. Tendo instrumentos suficientes para conhecer um pouco da experiência de cada candidato, poder analisar o seu perfil e habilidades profissionais. A fim de escolher o melhor para a vaga. No entanto, montar uma boa entrevista de emprego não é tão simples quanto parece. O profissional que conduz a entrevista também deve ter experiência suficiente para conseguir ler o perfil de cada candidato.

Guia de Gestão de Equipes

Como conduzir uma entrevista de emprego

Preparamos abaixo um passo a passo com cinco dicas fundamentais para que você consiga planejar e conduzir o processo de seleção da melhor forma possível. Siga as nossas instruções para garantir o melhor desempenho durante a entrevista de emprego. Lembre-se que o papel do entrevistador é muito importante para que a entrevista seja conduzida de forma profissional e eficiente. Confira logo abaixo as nossas cinco dicas para você!

1. Planeje a entrevista de emprego e esteja preparado

O planejamento é o momento em que você deve se preparar para a entrevista de fato. Lembre-se de reservar o período para estar totalmente dentro da entrevista de emprego, sem distrações de fora ou interrupções do processo. Isso, aliás, é uma forma de demonstrar respeito ao candidato. Que, sem dúvida, também deve ter se preparado para o processo seletivo.

Para chegar preparado, é fundamental fazer o trabalho prévio, principalmente o de analisar a ficha do profissional. Busque entender cada fato incluso no currículo profissional do candidato. Como sua área de interesse, sua formação, suas experiências anteriores e atividades desenvolvidas. Evite ler a ficha do candidato durante a entrevista, já que isso, além de perder tempo, mostra um despreparo por sua parte.

É importante ressaltar alguns pontos que você considera positivo no currículo profissional do candidato, e explorar mais estes pontos. Da mesma forma, anote suas dúvidas em relação ao perfil do candidato para que você possa conduzir estes tópicos durante o processo. Não deixe também de salientar todos as necessidades e expectativas da empresa com a vaga em aberto; assim, o entrevistador deve saber do que se trata a vaga, quais são os benefícios e salário, além de outras informações pertinentes.

2. Crie um ambiente confortável para o candidato

Ter um ambiente agradável e confortável para o candidato é fundamental para que a entrevista se desenvolva bem. Seja simpático, solicito e não tente parecer rígido para o candidato. Lembre-se que seriedade é diferente. Para a entrevista de emprego acontecer de forma fluída, é preciso deixar a conversa fluir. Claro que o entrevistador deve ter o controle da entrevista e do rumo da conversa, mas saber escutar é fundamental. Use o bom senso.

Vale ressaltar que alguns candidatos têm vergonha ou pouca experiência para falar sobre si mesmo, por isso, é necessário ter ferramentas para ajudar o profissional a se soltar um pouco mais. Comece quebrando o gelo, oferecendo uma água ou café. Deixe-os a vontade e para conseguir retirar o melhor de cada candidato.

3. Conduza a entrevista de forma objetiva

Tempo é algo muito precioso, e isso vale tanto para o entrevistador quanto para o entrevistado. Por isso, é preciso ser objetivo e ir direto ao ponto; para isso, o entrevistador deve achar o ponto ideal entre o ambiente confortável e a objetividade. Não faça muito rodeio durante as perguntas e questionamentos, e foque essencialmente no que é pertinente para a vaga de emprego. É importante ressaltar também que você deve deixar o candidato responder as perguntas de forma completa; caso ele não diga algo que você quer saber, pergunte diretamente na próxima oportunidade.

É importante tirar todas as dúvidas que você tenha em relação ao lado profissional do entrevistado. Afinal, esta é a última oportunidade de fazer perguntas e conhecer o candidato antes de tomar uma decisão e dar a oportunidade de emprego na empresa para a pessoa.

4. Atenção ao que o candidato fala

A pior coisa que o entrevistador pode fazer é não demonstrar interesse no que o profissional que está buscando a vaga diz. É preciso estar atento às respostas e ao perfil do candidato. Observe como ele se apresenta, como ele relata as suas experiências profissionais e se ele tem conhecimento da empresa. O entrevistado deve estar tão bem preparado quanto o entrevistador; por isso, escute atentamente para saber se este é o candidato certo para a vaga.

Outro ponto importante é saber ler como ele preparou a sua imagem para a entrevista de emprego. Um profissional que tem preocupação com a sua imagem terá o mesmo cuidado com a imagem da empresa. E quando falamos em imagem, não estamos falando de aparência física e, sim, de um cuidado que vai muito além disso.

Prestar atenção a qual momento do processo seletivo faz com que o entrevistado se sinta mais confiante e, em consequência disso, consiga desenvolver melhor os tópicos abordados. E não se esqueça: todo assunto que não faz parte da entrevista deve ficar de fora da sala neste momento. Deixe o celular no modo silencioso e peça para nenhum dos seus colegas te interromper neste momento. A mesma postura que o profissional tem ao ir em uma entrevista, você, como entrevistador, também deve demonstrar.

5. Esteja aberto para diferentes conceitos

O preconceito é algo que deve ser impensado em uma entrevista de emprego. O julgamento prévio de um candidato pode acabar afastando excelentes profissionais do mercado de trabalho, sem algum motivo plausível. Por isso, tome cuidado para não deixar nada que seja diferente de você ou do seu mundo afetar a entrevista de trabalho. É praticamente impossível conhecer uma pessoa durante uma entrevista de emprego; por isso, a análise deve contar com um fator positivo, de simpatia e de confiança no trabalho que pode ser desenvolvido em conjunto.

Assim como o preconceito é ruim, não tente comparar o candidato com outros profissionais que já estão dentro da empresa. Cada entrevistado possui uma bagagem profissional e uma experiência no mercado de trabalho. Talvez este seja um dos erros mais graves que o entrevistador pode cometer, uma vez que isso diminui todo o potencial que o entrevistado tem.

Essas são nossas dicas para que você consiga planejar bem a sua entrevista e se mantenha preparado para o momento. Levando estes pontos em consideração, o entrevistador estará pronto para obter o máximo proveito dos candidatos, podendo conhecê-los e, então, avaliar qual é o profissional mais adequado para o trabalho que está em aberto.

Buscar profissionais de qualidade no mercado de trabalho não está fácil. Há muitos profissionais que não possuem uma capacitação desejável, e que não pensam no seu próprio desenvolvimento profissional. Dessa forma, o processo de seleção e a entrevista individual de emprego se tornam cada vez mais essenciais para que a empresa monte um time forte e apto para atingir os seus objetivos. É preciso estar atento para atrair os melhores colaboradores para o seu negócio, oferecendo um acordo salarial e de carreira para que os mesmos possam permanecer focados e interessados em contribuir com o crescimento da empresa.

O entrevistador deve ser experiente

O setor de recursos humanos é importante para todo este desenvolvimento do negócio; por isso, as entrevistas devem ser conduzidas por profissionais experientes e que estejam alinhados com os valores e objetivos da empresa. Só assim será possível tirar o máximo de proveito das entrevistas de trabalho. Mãos à obra! Boa sorte e boa entrevista!

Gostou das nossas dicas? Não deixe de acessar o nosso site para obter mais conteúdos sobre o mercado de trabalho e do mundo corporativo. Compartilhe nos comentários como você se prepara para a entrevista de emprego, e não se esqueça de compartilhar o conteúdo com os seus colegas de profissão. Até a próxima!

Gostou do texto? Deixe um comentário!

EGestor - Software online de gestão empresarial para pequenas empresas

Escrito por eGestor
O eGestor é um software online para gestão de micro e pequenas empresas. Teste gratuitamente em: https://www.egestor.com.br