fbpx

Como montar um hotel ou pousada

As pousadas e hotéis são excelentes estabelecimentos para se investir, porque, além do alto lucro que garantem, são ótimos locais para trabalhar. Como se trata de um grande empreendimento, o dono do negócio precisa seguir um roteiro claro para evitar problemas.

É preciso compreender por que as pessoas procuram pousadas e hotéis. Isso garantirá dinamismo e flexibilidade na gestão do negócio. Pensar no cliente é fundamental para o crescimento do negócio. Continue lendo para saber o fundamental para criar sua pousada ou hotel.

Hotel ou pousada pode ser MEI?

Não, um hotel ou pousada com CNAE 5510-8/01 – Hotéis, não pode ser MEI.

Localização

A localização é o ponto mais importante desse negócio. Portanto, jamais acelere esse processo, pois a demora é fundamental. Escolha as regiões turísticas mais importantes da cidade. Pesquise sobre as características naturais e históricas, de modo que você saiba por que o público-alvo almejado irá ao seu estabelecimento.

A beleza da região é essencial. Lugares arborizados, próximos a lagos, rios ou ao mar, são exemplos de locais de sucesso. Algumas pessoas gostam de ambientes silenciosos para encontrar a paz. Independentemente da região, você precisa escolher uma localização de fácil acesso e com uma boa estrutura para o público.

Certifique-se de que o empreendimento facilitará a vida do turista. Por exemplo: se ele for montado no litoral, não poderá ser longe da praia e nem de mercados e restaurantes. É importante conhecer os concorrentes. Procure descobrir quais os pontos fortes e fracos de cada um, para descobrir por que alguma pessoa optaria pelo seu estabelecimento em vez do deles.

Estrutura

Existem pousadas que lucram com apenas quatro recintos. Mas é ideal que você possua, no mínimo, seis apartamentos. A área total do seu negócio deve ter entre 720 m² e 3 mil m². Não esqueça de checar a legislação específica do setor. Ela é definida pelos estados, portanto não há uniformidade. Porém, cada unidade federativa determina uma área mínima para instalar o negócio.

Se você contratar um engenheiro ou arquiteto, eles poderão ajudar com a parte interna. Descubra a melhor forma de aproveitar o espaço do recinto. Invista em profissionais para desenvolver design e decoração. Garanta que cada quarto possua, ao mesmo tempo, padrão na decoração e originalidade.

Na hora de adquirir equipamentos, invista em móveis (camas, guarda-roupas, etc.) utensílios para cozinha, eletrônicos e eletrodomésticos. Além disso, você precisa de materiais para o escritório, como computadores, telefone, mesa, entre outros.

Contratação

Você precisará contatar faxineiras, camareiras, recepcionistas e um gerente. A vantagem desse tipo de negócio é que você pode ir atrás de profissionais autônomos que trabalham apenas nos fins de semana e em meses de alta no turismo. Se optar por efetivar os profissionais, lembre-se que é importante capacitar e pagar treinamento especializado.

Um trabalhador de pousada e hotel deve ser solícito, paciente, atencioso e gentil. Além disso, precisa ser comunicativo(a) e atencioso(a). O objetivo é transformar o local em um ambiente familiar, sem frieza nem bagunça. E, na hora de entrevistar candidatos, valorize os que possuem fluência em idiomas. Além do inglês, as empresas de hotéis e pousadas precisam garantir que tenham falantes de espanhol e francês.

Diversificação dos serviços

A diversificação do seu local é importante para liderar no mercado da sua região. Você deve fazer investimentos que ajudarão a agregar valor no empreendimento. Nem todas as pousadas oferecem TVs e internet, por exemplo. Outros bons investimentos são em chuveiros de aquecimento central, material antialérgico e camas diferenciadas.

Hotéis e pousadas normalmente oferecem café da manhã no pacote, mas você pode investir em serviços superiores. Nesse ponto, é essencial você pesquisar a concorrência, conversando com clientes e ex-clientes e, se for possível, com funcionários e ex-funcionários. Se você tiver um restaurante, por exemplo, poderá garantir um excelente diferencial para sua empresa.

Além disso, você pode incluir espaço para meditação e yoga, capelas de oração e serviços de massagem. Decida esses elementos que darão originalidade ao negócio e inclua-os no planejamento.

Divulgação

O marketing é um dos elementos mais importantes, e você precisa considerá-lo logo no início do planejamento. Não é vantajoso investir em muitas formas de divulgação, mas apenas nas que trazem resultado. Para isso, é importante fazer testes. Anuncie em revistas, rádios, TV e listas telefônicas. Publique folders, banners ou outdoors.

Nos dias de hoje, é imprescindível apostar no marketing digital. A internet oferece muitas maneiras de lucrar. Crie um site para colocar informações do seu produto. Capriche nas fotos que enviará para seu endereço on-line. As redes sociais também são importantes para atrair o público para o seu negócio. Tenha uma página no Facebook e um perfil no Instagram, por exemplo.

Administração

A base de qualquer negócio de sucesso é a boa gestão. Mesmo se for um especialista nisso, não desconsidere investir na sua própria capacitação. Lembre-se que a concorrência pode dar muito valor às boas práticas administrativas. E, muitas vezes, isso garante a liderança no mercado mesmo se o serviço dela é pior.

Existem diversos métodos, práticas e ferramentas que irão lhe ajudar. Além disso, mantenha-se atento às inovações que surgem no mercado.

Adquira um software de gestão para garantir produtividade e economizar dinheiro. Esses programas são fundamentais nos dias de hoje. Você poderá controlar o recebimento dos fornecedores, o trato com os clientes, as receitas, as contas e muitos outros processos. O negócio fica mais fácil e você pode se concentrar naquilo que realmente importa.

Conclusão

Montar uma pousada exige bastante esforço e investimento, mas o lucro é certo. No entanto, você deve seguir um roteiro para conseguir fazer o negócio fluir logo no começo. Destacamos o essencial para você começar seu planejamento. Invista em boa estrutura, profissionais capacitados e métodos de gestão eficientes, bem como softwares de administração. Assim você conquista rapidamente um público fiel.

Conheça o eGestor, um software online para gestão de micro e pequenas empresas. Controle Financeiro, Estoque, Vendas e Nota Fiscal Eletrônica.

Banner-conversao-eGestor-blog
Início 9 Empreendedorismo 9 Como montar um hotel ou pousada
Escrito em: 01/03/17
<a href="https://blog.egestor.com.br/author/pedro-henrique-escobar/" target="_self">Pedro Henrique Escobar</a>

Pedro Henrique Escobar

Pedro Henrique Escobar é formado em Administração e gerente de marketing no eGestor. O eGestor é uma ferramenta online para gestão de micro e pequenas empresas. Teste gratuitamente em: eGestor.

Comentários:

Compartilhe seu comentário, dúvida ou sugestão!

1 Comentário

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar…

NFC-e (Nota fiscal de consumidor eletrônica) [Atualizado]

Emitir NFC-e Todo produto ou serviço vendido, deve ter sua comprovação fiscal e um dos meios de atestar essa transação é a nota fiscal. Afinal, ela dá segurança tanto à empresa que vende o produto, quanto ao consumidor que o compra....

ERP: O que é e vantagens [GUIA COMPLETO]

Teste Grátis A administração de uma empresa acontece diariamente, com processos e controle que devem ser feitos a todo momento. Esses processos são o que mantém a empresa funcionando, e esse controle é o que mantém as contas em dia e os...

Faturamento: O que é, como calcular e aumentar o seu

Porque o faturamento é tão importante para a empresa? Porque ele é o valor, em dinheiro, que a empresa recebeu em um período. Assim, ele demonstra se o resultado foi satisfatório ou não. Com o acompanhamento se tem uma melhor ideia da...

Guia do MEI: Tudo sobre o MEI – Blog do eGestor

O MEI (Microempreendedor Individual) é um tipo de empresa voltado para formalização de profissionais autônomos. O custo para abrir um MEI é zero. Os impostos pagos pelo MEI são o ICMS, pela venda de mercadorias, o ISS, por prestação de...

Controle de Estoque: Como fazer um controle profissional

Porque o controle de estoque é tão importante para a empresa? O estoque é o principal ativo de uma empresa, sendo a forma mais importante de fazer dinheiro. Por isso, ter total atenção a gestão do estoque é de extrema importância. Se a...

Fluxo de Caixa: Guia de como fazer o da sua empresa

O que é o fluxo de caixa?O fluxo de caixa é o controle de todos os valores que entram e saem do financeiro da empresa. Qual o objetivo do fluxo de caixa?O objetivo do fluxo de caixa é garantir a saúde financeira do negócio, assegurando...

Nota Fiscal de Serviço Eletrônica (NFS-e): o que é e quem emite

A NFS-e, ou Nota Fiscal de Serviço Eletrônica, é um dos tipos de notas fiscais que existe juntamente com a nota fiscal, a nota fiscal do consumidor e o conhecimento de transporte. Elas são úteis para empresas que tem como uma das funções...

Nota fiscal eletrônica: tudo o que você deve saber [ATUALIZADO]

A Nota Fiscal Eletrônica (NF-e) é um documento cuja função é atestar a venda de um produto ou a prestação de um serviço. Ela foi desenvolvida com o objetivo de substituir alguns sistemas de impressão de documentos fiscais em papel. Assim...

Gestão empresarial: guia definitivo para o sucesso do seu negócio

Toda empresa precisa ter um objetivo, uma missão maior que guie todas as suas atividades. Independente de qual for esse objetivo, ele tem tudo a ver com a gestão empresarial. Isso porque é através de uma gestão empresarial competente e...

Controle financeiro empresarial: Como fazer passo a passo

Passo a passo para fazer o controle financeiro da sua empresa Faça o controle do fluxo de caixa Separe custos e receitas Planejamento de recebimentos e pagamentos Registre todas as operações financeiras Tenha um orçamento bem estruturado...