Como montar uma fábrica de gelo

Uma fábrica de gelo pode ser um negócio muito rentável. Gelo é um produto que sempre está em demanda, por isso dificilmente sairá do mercado. Para você que está precisando alcançar uma alternativa de obter renda, montar essa fábrica pode ser vantajosa por uma série de elementos.

A área de fabricação de gelo no Brasil é muito pequena, então há uma baixa concorrência. São poucas as empresas que atuam nessa área e há muito demanda do produto. Ainda mais pelo Brasil ter um clima tropical, onde faz calor na maioria dos dias. Além de que o gelo pode ser útil para diversas coisas, como, por exemplo, para fins terapêuticos, na conservação de alimentos e bebidas e de outros usos de processos termodinâmicos.

Além disso, não é necessário ter muito capital para iniciar as atividades desse tipo de empresa. O máximo que você precisa é de uma máquina de fazer gelo, água, sacos e um freezer. Ou seja, é muito simples e não demanda muito espaço. Você pode fazer nos fundos de sua casa, por exemplo. Você precisa de água potável se for vender para distribuidora de bebidas ou pode ser água comum para clientes que apenas o utilizam para armazenamento.

Máquinas de gelo caseiras conseguem produzir cerca de 15 kg por dia, enquanto uma máquina de gelo profissional pode render até 50 kg de gelo por dia de produção, no total pode dar até 1.100 sacos por mês.

Ainda há a vantagem de que você não precisa de pessoal muito qualificado para esse setor, já que o processo de fabricação de gelo é bem simples. Se precisar contratar funcionários, inicialmente pode ser um número bem pequeno. Você precisará apenas de um ou dois para a produção do gelo. Se for o caso em que sua empresa faça a distribuição, pode chegar a contratar um motorista.

Mas quanto é o investimento para abrir uma fábrica de gelo?

Para poder começar a sua fábrica, o primeiro passo é adquirir uma máquina de fazer gelo. Uma máquina profissional está disponível no mercado por cerca de R$ 5 mil e ela é capaz de produzir até 50 kg por dia. Mas se preferir começar com uma baixa produção, tem as máquinas caseiras que custam até R$ 1 mil e fabricam cerca de 15 kg ao dia. É preciso também do freezer para conservar o produto. Freezers de 500 litros podem custar até R$ 3 mil.

No ensacamento, você pode usar grandes sacos plásticos para as empresas que utilizam o gelo apenas para a conservação de produtos. E os pequenos de 1 kg, 3 kg e 5 kg podem ser utilizados para vender diretamente ao consumidor final, que procura comprar em postos de gasolinas ou supermercados. Existe uma máquina que serve para selar os sacos plásticos que custam aproximadamente R$ 300.

Um investimento de R$ 10 mil já pode ser suficiente para abrir uma fábrica. Lembrando que há gastos de manutenção, como a energia elétrica. Uma área física de aproximadamente 50 m² pode ser mais do que suficiente para um microempresário desse ramo.

Ebook manual de como abrir uma empresa

Quanto posso faturar com a fábrica?

Ao montar uma fábrica de produzir gelo, pode ser que haja um tempo para o retorno do investimento. Podemos citar, por exemplo, o caso de um saco de gelo de 1 kg. Para produzi-lo você gasta no máximo R$ 1,50 e você pode revender por até R$ 5,00. Se vender em grandes quantidades, pode oferecer um desconto para o cliente.

Dependendo das vendas, você pode obter um retorno de investimento em cerca de cinco meses de boas vendas. Se você investir no verão, onde as vendas por consequência são maiores, você pode ter esse retorno ainda mais rápido.

Mas lembre-se que o diferencial para sua empresa pode ser a qualidade. Esse setor também demanda uma qualidade de serviços, pois você precisa disponibilizar sacos de gelo que estejam de acordo com as normas de vigilância sanitária. Desde a formação dos cubinhos de gelo, até o ensacamento. É importante também que todos os funcionários estejam adequadamente uniformizados com luvas e botas.

Importante ressaltar que, ao abrir esse negócio, você precisa de uma solicitação do alvará de funcionamento e da Vigilância Sanitária junto ao órgão responsável do seu município. É necessário que esteja em dia com a regularização para que o produto oferecido seja de qualidade e realmente possa ser um diferencial.

Esses recursos são para as fases iniciais do empreendedor. Futuramente, caso a sua fábrica seja bem administrada, você pode produzir até duas toneladas de gelo por dia e se tornar uma grande empresa. Mas, para isso, é preciso de algumas atenções na hora de fazer a gestão do seu negócio.

Como funciona a administração desse tipo de serviço?

Assim como em todos os negócios, as fábricas de gelo também precisam de uma seção administrativa. É preciso de um controle financeiro para não deixar que a empresa tenha o risco de obter perdas financeiras. O fluxo de caixa também é algo essencial, ter um controle de vendas, gastos e serviços diários ajuda a construir um melhor desenvolvimento administrativo da sua empresa.

Além disso, sempre é necessário fazer o controle de estoque, emitir nota fiscal e outros documentos. Essas são atividades cotidianas que devem estar presentes em todos os tipos de empresa. Mas você não precisa fazer tudo isso sozinho. O eGestor pode fazer isso por você.

Este é um programa totalmente online que pode te ajudar a resolver todos esses detalhes administrativos da sua empresa. O eGestor é um programa que pode ser acessado por toda a sua equipe de uma maneira bem simples. Ele é essencial para micro e pequenas empresas. Além disso, é um software bem acessível que cabe no bolso.

O eGestor suprirá todas as suas necessidades e organizar o seu cotidiano. Experimente grátis!

EGestor - Software online de gestão empresarial para pequenas empresas

Escrito por eGestor
O eGestor é um software online para gestão de micro e pequenas empresas. Teste gratuitamente em: https://www.egestor.com.br