fbpx

Como montar uma loja de presentes e artigos de decoração

A constante necessidade de comprar presentes, artigos de decoração ou utensílios para a casa torna uma loja neste setor de mercado uma atraente opção para se investir ou iniciar um novo empreendimento. Este segmento está em constante movimento, graças às mais diversas datas comemorativas utilizadas pelo comércio para impulsionar as compras, como dia das mães, dia dos pais, dia das crianças, natal, entre outras, nas quais as pessoas são incentivadas a presentear seus amigos e familiares.

Da mesma forma, o segmento de decoração segue em constante evolução, com a moda decorativa sempre se modificando, levando as pessoas a comprarem diversos itens para seguir as tendências, de forma com que as lojas de itens decorativos estejam sempre movimentando este mercado.

Porém, para que estas lojas possam atender seus clientes da melhor forma e se tornarem lucrativas e rentáveis a seus proprietários, deve haver um planejamento bem elaborado para que estes empreendimentos possam sair do papel e firmar-se no mercado conquistando seu público-alvo, ou seja, seus futuros clientes.

Planejamento inicial e desenvolvimento empresarial

O primeiro passo para que se inicie o planejamento de uma loja de presentes e artigos de decoração é estabelecer a localização deste empreendimento. Uma loja bem localizada facilitará o acesso de seus clientes, tornando-se mais atrativa devido a esta facilidade. Além disso, uma boa localização fará com que a marca se fixe mais facilmente no dia a dia de seus clientes, transformando-se em primeira opção, tornando-a mais rapidamente parte do mercado.

Em seguida, deve ser realizada uma minuciosa análise do espaço físico disponível para a loja, que será fundamental para a forma como as mercadorias serão dispostas ao público. Apenas após esta análise será possível determinar como dividir as mercadorias por seções, por exemplo, de forma que os clientes encontrem o que desejam de maneira rápida.

Outro ponto fundamental que deve ser estudado nessa etapa é a definição de quais mercadorias serão colocadas à disposição do público, de forma com que se atenda às necessidades de seus clientes, seja com itens de presentes ou de decoração. Embora os itens possam ser atualizados a cada determinado período de tempo, deve existir uma lista de itens constantes disponíveis aos clientes, que poderão encontrá-los sempre que necessário.

Após estas definições iniciais, o passo seguinte é a composição da equipe que trabalhará na loja atendendo ao público. Esta é uma etapa fundamental para o sucesso, pois o bom atendimento poderá cativar os clientes, contribuindo diretamente para o sucesso do empreendimento, mas, por outro lado, um atendimento deficiente pode comprometer seriamente o futuro de uma loja.

Além disso, é importante que se invista periodicamente em treinamentos para que a equipe de funcionários se mantenha sempre apta a atender aos clientes da melhor maneira possível, oferecendo-lhes, além dos produtos, também um serviço de qualidade.

Com a loja pronta para começar a funcionar e a equipe de funcionários selecionada, o ponto seguinte é o investimento em publicidade, divulgando aos clientes o novo empreendimento, buscando fazer-se conhecido diante do público, para que se possa conquistar os primeiros clientes.

Nesta etapa, uma técnica importante é se investir em promoções de inauguração e preços especiais em alguns produtos, atraindo assim os clientes para que estes conheçam e se familiarizem com a nova loja.

Neste segmento do mercado, é importante se adaptar às diferentes datas comerciais do calendário, que farão com que se aumente o número das vendas especialmente no setor de presentes. Estas datas poderão representar excelentes oportunidades de vendas, que, aliadas com promoções pontuais, podem elevar significativamente os resultados da loja a cada período comemorativo.

Da mesma forma, um acompanhamento do setor de decoração é fundamental para que se mantenha um estoque de produtos adaptado às necessidades de seus clientes. Conforme as tendências deste setor se transformam, oferecer itens específicos aos clientes também poderá elevar as vendas, assim como possíveis promoções com produtos para decoração de ambientes que poderão ser utilizados de diferentes formas pelos clientes em suas casas.

Loja de presentes e artigos de decoração pode ser MEI?

Sim, uma loja de presentes e artidos de decoração com CNAE 4759-8/99 – Comércio varejista de outros artigos de uso pessoal e doméstico não especificados anteriormente, pode ser MEI.

Controle financeiro

Lojas de presentes e artigos de decoração contam com um fator que pode fazer com que os números reais não sejam visíveis à primeira vista: os preços. Por se tratarem de artigos a preços populares, relativamente baixos, há um constante movimento de caixa, mas que não necessariamente representará lucratividade ou rentabilidade.

Desta maneira, é preciso que seja feito um minucioso e detalhado acompanhamento financeiro dos números da empresa, de forma com que seja realmente conhecida a saúde financeira do estabelecimento.

Embora não seja uma tarefa fácil realizar este acompanhamento financeiro, existe a possibilidade de se utilizar um software de gestão, que deixará essa etapa muito mais simples. Uma das opções é o software eGestor, de fácil utilização e que permite visualizar rapidamente os números da empresa.

Este acompanhamento financeiro é fundamental para que se conheça a lucratividade e rentabilidade da empresa a cada determinado período de tempo, o que evitará surpresas negativas que poderiam comprometer o sucesso desta loja. Apenas com o total conhecimento dos números reais de uma empresa, seus responsáveis poderão garantir e acompanhar a saúde financeira do empreendimento.

Além disso, um conhecimento pleno do financeiro da empresa possibilitará visualizar as oportunidades para que se invista no momento certo na ampliação da loja, levando os números a resultados ainda melhores, gerando um lucro ainda maior, o que não seria possível sem este conhecimento e o acompanhamento periódico.

Desta maneira, seguindo um planejamento estratégico inicial, desenvolvendo etapas e traçando metas, e posteriormente realizando um rígido controle financeiro, o investimento para se montar uma loja de presentes e artigos de decoração pode ser uma ótima opção, gerando resultados muito positivos tanto a curto, médio ou longo prazo, de acordo com os valores investidos, resultando em um empreendimento tanto lucrativo, quanto rentável.

Banner-conversao-eGestor-blog
Início 9 Empreendedorismo 9 Como montar uma loja de presentes e artigos de decoração
Escrito em: 07/03/17
<a href="https://blog.egestor.com.br/author/pedro-henrique-escobar/" target="_self">Pedro Henrique Escobar</a>

Pedro Henrique Escobar

Pedro Henrique Escobar é formado em Administração e gerente de marketing no eGestor. O eGestor é uma ferramenta online para gestão de micro e pequenas empresas. Teste gratuitamente em: eGestor.

Comentários:

Compartilhe seu comentário, dúvida ou sugestão!

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar…

Faturamento: O que é, como calcular e aumentar o seu

Porque o faturamento é tão importante para a empresa? Porque ele é o valor, em dinheiro, que a empresa recebeu em um período. Assim, ele demonstra se o resultado foi satisfatório ou não. Com o acompanhamento se tem uma melhor ideia da...

ERP: O que é e vantagens [GUIA COMPLETO]

Teste Grátis A administração de uma empresa acontece diariamente, com processos e controle que devem ser feitos a todo momento. Esses processos são o que mantém a empresa funcionando, e esse controle é o que mantém as contas em dia e os...

Guia do MEI: Tudo sobre o MEI – Blog do eGestor

O MEI (Microempreendedor Individual) é um tipo de empresa voltado para formalização de profissionais autônomos. O custo para abrir um MEI é zero. Os impostos pagos pelo MEI são o ICMS, pela venda de mercadorias, o ISS, por prestação de...

Nota fiscal eletrônica: tudo o que você deve saber [ATUALIZADO]

A Nota Fiscal Eletrônica (NF-e) é um documento cuja função é atestar a venda de um produto ou a prestação de um serviço. Ela foi desenvolvida com o objetivo de substituir alguns sistemas de impressão de documentos fiscais em papel. Assim...

Controle de Estoque: Como fazer um controle profissional

Porque o controle de estoque é tão importante para a empresa? O estoque é o principal ativo de uma empresa, sendo a forma mais importante de fazer dinheiro. Por isso, ter total atenção a gestão do estoque é de extrema importância. Se a...

Gestão empresarial: guia definitivo para o sucesso do seu negócio

Toda empresa precisa ter um objetivo, uma missão maior que guie todas as suas atividades. Independente de qual for esse objetivo, ele tem tudo a ver com a gestão empresarial. Isso porque é através de uma gestão empresarial competente e...

Fluxo de Caixa: Guia de como fazer o da sua empresa

O que é o fluxo de caixa?O fluxo de caixa é o controle de todos os valores que entram e saem do financeiro da empresa. Qual o objetivo do fluxo de caixa?O objetivo do fluxo de caixa é garantir a saúde financeira do negócio, assegurando...

Controle financeiro empresarial: Como fazer passo a passo

Passo a passo para fazer o controle financeiro da sua empresa Faça o controle do fluxo de caixa Separe custos e receitas Planejamento de recebimentos e pagamentos Registre todas as operações financeiras Tenha um orçamento bem estruturado...

NFC-e (Nota fiscal de consumidor eletrônica) [Atualizado]

Emitir NFC-e Todo produto ou serviço vendido, deve ter sua comprovação fiscal e um dos meios de atestar essa transação é a nota fiscal. Afinal, ela dá segurança tanto à empresa que vende o produto, quanto ao consumidor que o compra....

Nota Fiscal de Serviço Eletrônica (NFS-e): o que é e quem emite

A NFS-e, ou Nota Fiscal de Serviço Eletrônica, é um dos tipos de notas fiscais que existe juntamente com a nota fiscal, a nota fiscal do consumidor e o conhecimento de transporte. Elas são úteis para empresas que tem como uma das funções...