Como montar uma loja de suplementos alimentares

O mercado mundial de suplementos alimentares movimentou, no ano de 2013, cerca de US$ 190 bilhões. Mantendo crescimento contínuo a cada ano. O consumo, naquele ano, quase que dobrou em relação aos US$ 98 bilhões movimentados em 2009.

Naquele mesmo ano, o Brasil apresentava crescimento anual de 25% do mercado de suplementos. Em 2015, movimentou um volume superior a R$ 1 bilhão. Números estes indicam que há espaço para um enorme crescimento do setor. O número de consumidores no Brasil, ainda em 2013, era de cerca de 5 milhões de pessoas. 

Há dois fatores que limitam o consumo de suplementos no Brasil. O primeiro deles é que esse consumo está ligado à prática de atividades físicas. Preferencialmente aos praticantes de musculação. E o mercado, como mostram os números acima, segue crescendo e oferecendo oportunidades. Os empreendedores que desejam buscar um negócio que oferece boas condições de lucratividade podem considerar um investimento nessa área. Assim como é garantido uma boa margem de segurança, sempre levando em conta aspectos inerentes ao negócio, sobretudo o planejamento.

Entre 2009 e 2013, o número de estabelecimentos comerciais voltados para o setor crescia 1.200 lojas anualmente. Em 2013, o Brasil contava com aproximadamente 3 mil lojas de suplementos e outras 4 mil voltadas para produtos naturais. Eram, na ocasião, 20 mil academias no país. Naquele período, apenas 2% da população brasileira consumia suplementos.

O consumo de suplementos está ligado à saúde, beleza e bem-estar, na mesma medida que a consciência da importância das atividades físicas e do combate ao sedentarismo toma maiores proporções a cada ano.

Ebook manual de como abrir uma empresa

Consumidores

Um dos aspectos fundamentais do planejamento, em qualquer segmento de negócio escolhido, é conhecer o perfil do consumidor. Saber o que ele busca e qual seu perfil psicográfico. É em cima dessas informações que se vai estabelecer um plano de negócios com ótimas chances de levar o empreendimento ao sucesso.

Com base nessas informações, o empreendedor poderá desenvolver o formato da loja. E assim, o perfil dos atendentes e até mesmo o melhor local para instalar o estabelecimento comercial.

Alguns dados são importantes para que se defina as políticas da empresa tendo como foco o cliente. Isso a torna capaz de moldar a oferta àquele público que se tornará seu cliente mais fiel e lucrativo.

Diferentes objetivos

O primeiro dado importante é que a busca por suplementos está muito ligada à academia. As pessoas buscam as academias com diferentes objetivos. Em maior número estão aqueles que buscam a hipertrofia muscular como resultado. Em seguida os que têm a melhora da saúde como objetivo e de quem busca as academias para emagrecer.

Atualmente, a suplementação alimentar é buscada por homens e mulheres. O consumidor médio tem idade entre 15 e 30 anos. Um dado importante é que esse consumidor possui nível superior ou cursa faculdade. Informações que ressaltam a informação de que se trata de um público com maior poder aquisitivo. Um estudo realizado no Piauí, por exemplo, mostrou que 4% dos frequentadores de academia e consumidores de suplementos possuíam pós-graduação. Enquanto que 62% tinham nível superior e 34% haviam completado ou cursavam o ensino médio.

Outro dado importante é quanto à preferência desse público no que diz respeito às categorias de produtos. Os mais consumidos são os suplementos à base de aminoácidos e proteínas, tais como: Whey Protein, Albumina e BCAA, seguidos da creatina. A dextrose e a maltodextrina, suplementos ricos em carboidratos, também são bastante consumidos e estão ligados à construção muscular e aumento de massa.

Os termogênicos representam um mercado em crescimento. São suplementos voltados para a perda de gordura, assim como o óleo do Cártamo e os bloqueadores de gordura.

Ebook Crescimento Empresarial

Treinamento da equipe de funcionários

Outro aspecto fundamental a ser considerado para um bom trabalho no ponto de venda, que seja capaz de cativar o consumidor, é o treinamento dos atendentes e vendedores. Ainda que se recomende o uso dos suplementos com orientação médica e de nutricionistas, essa recomendação não é muito seguida. A decisão, muitas vezes, é tomada no ponto de venda.

Algumas lojas já se deram conta da importância dessa medida e vêm recrutando nutricionistas para orientar os clientes, baseado em seus objetivos. Isso inclui dar informações importantes de consumo aos clientes. Assim como informações do enquadramento de consumo dos suplementos dentro de uma rotina de alimentação. Isso, por que os primeiros não a substituem.

Qual o seu negócio?

É uma pergunta que precisa ser respondida antes de se tomar qualquer iniciativa. Ela também deve estar condicionada pela capacidade de investimento do empreendedor.

Para ilustrar melhor a questão, está bem claro que o mercado é promissor para novos empreendimentos. Assim como não há uma maior complexidade no que diz respeito ao que leva o consumidor a procurar os suplementos.

A questão é que há valores ligados à suplementação alimentar que devem orientar o negócio. Saúde é um fator que está ligado a suplementação. Sendo assim, o estabelecimento pode se especializar em saúde, o que indica a oportunidade de unir à oferta de suplementos a de produtos naturais, ligados a esse aspecto na mente do consumidor. Algumas lojas que hoje comercializam suplementos e os tem, talvez, como principal elemento do mix de produtos, começaram como lojas de produtos naturais.

Porém, para se ampliar o mix de produtos, é preciso dispor de uma loja maior, com maior capacidade de estocagem e maior investimento financeiro. Esse impacta o negócio do ponto de vista financeiro, mas também operacional. É mais fácil treinar profissionais para prestarem uma excelente orientação ao consumidor que procura somente suplementos, do que ter profissionais treinados adequadamente para orientar consumidores que procuram suplementos além de produtos naturais. 

Gestão operacional e escala

É preciso tomar cuidado, porque o atendimento faz a diferença. Mas o fator mais crítico é a capacidade de abastecer a loja. Sendo assim, em alguns casos, é mais razoável se especializar exclusivamente na oferta de suplementos, trabalhar com uma variedade mais enxuta de produtos e manter o abastecimento em alto nível.

Outra questão é a gestão de fornecedores. Quanto mais diversificada é a variedade de ofertas, sem que haja um aumento proporcional da capacidade de investimento, menor é a capacidade de negociação com os fornecedores no que diz respeito ao preço. Dentro da economia de escala, quanto maior o pedido, maior a possibilidade de descontos.

Por outro lado, se houver uma maior capacidade de investimento, sem dúvida alguma a diversificação tenderá a aumentar a lucratividade.

Independente de qual seja a alternativa, a gestão de uma loja está revestida de certa complexidade. É preciso calcular diversos fatores inerentes ao negócio. O giro de estoque e o giro de prateleira, por exemplo, são alguns dos fatores que devem nortear a política de compras da empresa. Eles estão ligados também à prevenção contra perda de produtos por expiração do prazo de validade.

Para isso, é fundamental que se recorra a um bom software de gestão. Uma boa alternativa no mercado é o eGestor, um software capaz de controlar toda a parte operacional e administrativa da loja, através do controle do fluxo de caixa, controle de estoque, controle de vendas e emissão de relatórios gerenciais, que abastecerão o gestor com informações que conferirão maior segurança e precisão às decisões. Além disso, o sistema faz o controle financeiro e emite nota fiscal eletrônica.

Cuide do marketing

Quando se fala em mercado e consumidor, é preciso levar em conta a importância do marketing. Ter um bom gestor é fundamental, pois ele saberá fazer o planejamento adequado das políticas de merchandising (promoção no ponto de venda), disposição e exposição dos produtos nas prateleiras e políticas de atendimento.

Além disso, é preciso que a empresa se mantenha sempre conectada ao que acontece, aos novos produtos que surgem, a dados de consumo e às formas de lidar com o consumidor para gerar fidelização e maior lucratividade per capita.

Além disso, é preciso que a empresa cuide de sua marca, da forma como é vista pelas pessoas, que escolha de forma adequada a verba de propaganda, os canais, o posicionamento da marca e a forma como vai se comunicar através desses canais.

Um desses canais, inclusive, é a internet, que não pode ser esquecida, inclusive se mantendo aberto à possibilidade da montagem de uma loja online, lembrando que essa iniciativa requer uma estrutura mais complexa, que é a logística de entrega. É um passo a ser dado por quem já tem uma rede de lojas capaz de abastecer pelo menos uma razoável extensão territorial, sem perder de vista a lucratividade.

Isso não impede que a internet seja usada. O marketing digital oferece inúmeras possibilidades de se comunicar com o cliente e estabelecer um relacionamento.

Outro ponto que pode e deve ser abordado pelo marketing é o estabelecimento de parcerias. Estas parcerias podem acontecer, por exemplo, com academias, com descontos exclusivos, que servem para fidelizar os clientes. Mas a imaginação pode abrir outras portas interessantes.

Localização 

Mais uma vez, estudar o consumidor é importante, mas há outros aspectos.

Do ponto de vista do perfil do consumidor, tudo aponta para a escolha de locais em que haja concentração de público jovem com bom poder aquisitivo. Estar próximo a locais que concentram academias é um indicador de que a empresa estará próxima de seu público-alvo.

É preciso cuidado com a visibilidade da loja, escolher locais de bastante movimento. Se possível, deve-se investir em conveniência. Em outras palavras, cuidar para que a academia, se não puder oferecer estacionamento exclusivo, que pode até ser pago, pelo menos estar em locais em que os clientes encontrem facilmente lugares para estacionar.

Estrutura Física

Do ponto da estrutura, é preciso ter atenção à otimização de espaço, de modo que os clientes consigam trafegar pela loja sem dificuldade. Dificuldade de circulação pode causar má impressão e espantar o cliente até mesmo antes que ele entre na loja.

Aliás, por falar em entrar na loja, é fundamental que a loja consiga, em sua fachada, mostrar claramente qual o seu negócio, bem como expor claramente seu nome e seu logotipo. São as informações que vão identificar a loja na cabeça do consumidor, mesmo quando ele não entrar para comprar. O importante é saber que ela está lá. Amanhã ele pode precisar.

Fazem parte da estrutura os balcões de atendimento, prateleiras, estantes e gôndolas, móveis de escritório, computador, telefone e um freezer, ou geladeira.

Contador

No momento em que a decisão está tomada, a medida seguinte é contratar um contador. O processo burocrático para abrir uma empresa é cansativo e requer o trabalho de quem conhece os trâmites. O contador cuidará de tudo.

O contador fará as consultas comerciais para saber se é permitido o funcionamento da empresa no local escolhido, se o endereço registrado na prefeitura é o mesmo do endereço conhecido e caberá a ele fazer as buscas de nome e marca, para saber se não estão sendo usados já por outra empresa.

É o contador quem vai tratar da geração da identidade da empresa. CNPJ, Registro Estadual, providenciar o alvará, fazer a matrícula no INSS, redigir o contrato social e uma série de outras medidas que tomam tempo são melhor executadas por quem tem experiência no assunto.

Investimento, capital de giro e custo mensal

O investimento inicial, segundo o Sebrae, para abrir uma loja de suplementos, é de aproximadamente R$ 50 mil. Trata-se de um valor para se criar um pequeno empreendimento. Contando o capital de giro necessário para iniciar a operação, em torno de R$ 10 mil, e os custos burocráticos, o investimento não deve ser superior a R$ 70 mil.

O custo mensal, ainda segundo o Sebrae, que é um órgão especializado no apoio ao empreendedor, é de aproximadamente R$ 10.500,00

Gostou do texto? Deixe um comentário!

Escrito por eGestor
O eGestor é um software online para gestão de micro e pequenas empresas. Teste gratuitamente em: https://www.egestor.com.br