7 dicas para evitar perdas no estoque da sua empresa

Há vários fatores que garantem o lucro e a sobrevivência de uma empresa, mesmo em épocas de crise. Um deles é lançar mãos de atitudes que visem evitar perdas no estoque da sua empresa. Afinal, se você perde produtos estocados, você perde tanto o dinheiro investido para a compra dele, quanto o valor gasto com mão de obra e espaço de armazenamento.

Por isso, seja você gestor ou proprietário de uma pequena, média ou grande empresa, deverá ter cuidado para não perder os produtos estocados. Mesmo quando a mercadoria não está sendo adquirida pelo consumidor, é possível lançar mão de estratégias de vendas para que ela seja escoada.

Seja qual for o caso da sua empresa, confira algumas dicas importantes e evite esse prejuízo.

Organização é essencial para evitar perdas no estoque

Você provavelmente já sabe disso, mas a organização de um estoque é essencial para evitar perdas. Saber o que entrou, o que saiu, quando entrou, qual a data de validade, entre outros dados importantes, são pontos básicos para quem quer evitar prejuízo.

Por isso, a primeira coisa que você precisa fazer é organizar o estoque. Você pode utilizar uma planilha para anotar todos os produtos do seu estoque e suas características, mas também pode utilizar um sistema de controle financeiro.

Treine a sua equipe

A primeira organização pode até ser acompanhada por você, mas depois será a sua equipe que fará todo o controle de estoque. Por isso, é preciso que eles sejam devidamente treinados.

É importante que seus colaboradores saibam que registrar tudo é essencial. Além disso, a pessoa precisa aprender a usar o controle de entrada e saída de itens do estoque, seja ele feito em planilhas de Excel ou em um software de gestão apropriado para essa finalidade.

Ensine como fazer, mostre, acompanhe e esteja pronto para sanar dúvidas.

Previsão de demanda é essencial para evitar perdas no estoque

Você tem um produto que vende menos em sua loja ou um item que é menos usado em sua indústria do que os demais? Provavelmente sim, concorda? Mesmo assim, você não poderá deixar de tê-lo disponível. Ao mesmo tempo, ele pode ser comprado em menor quantidade do que os demais.

Tudo isso será estabelecido na previsão de demanda. De acordo com o uso ou com o fluxo de vendas médio, você poderá definir a quantidade de cada item e quando será necessário repor determinado produto.

Na previsão de demandas, leve em conta também a época do ano. Uma loja de departamento vende mais perto do Natal, por exemplo. Por isso, precisará ter mais itens em seu estoque, correto? Veja quais categorias costumam ter mais procura nessa época para que possa fazer a previsão de demanda correta.

Quando for fazer essa avaliação, também pense no item adquirido. Em dezembro, há um aumento de roupas brancas, enquanto em janeiro, as buscas maiores são para vestimentas em praia ou no carnaval. Avalie o que aconteceu nos anos anteriores para poder ter como base.

Conte com um sistema de gestão

A tecnologia chegou para ajudar. Por isso, ao invés de você mesmo elaborar diversas planilhas para controlar o estoque, é indicado ter um software de gestão.

Com ele, você tem benefícios como:

  • Melhor controle do que há em estoque;
  • Acessando à sua conta poderá ver o que foi realmente entregue e quais compras estão atrasadas;
  • É possível ver quando um item importante está com estoque baixo;
  • Identificar um produto que esteja parado há muito tempo no estoque;
  • Ter uma visão em tempo real do que está estocado e do que saiu, entre outros.

Cuidado com o armazenamento

O local no qual os produtos estão armazenados está correto? O acondicionamento está sendo feito como deve?

Saiba que embalagens danificadas também causam perdas no estoque da sua empresa e elas, muitas vezes, são resultantes de armazenamento incorreto. Por isso, fique atento ao que está sendo feito. É possível utilizar métodos de gestão de estoque, como o PEPS e UEPS, por exemplo.

Se você tiver uma distribuidora de produtos veterinários, por exemplo, precisa colocar os sacos de ração em cima de estrados de madeira e longe da parede, para evitar que eles absorvam umidade do chão e estraguem antes da data de vencimento chegar.

Já se a sua empresa trabalhar com objetos de decoração, é importante não empilhar mais caixas do que o permitido, para evitar que vasos e peças sejam quebrados e assim por diante. Fique atento e evite prejuízos.

Cuidado com a data de vencimento

Uma das causas de perdas no estoque da sua empresa pode ser o erro na hora de armazenar os produtos. É comum uma equipe, que não seja treinada, tentar a colocar o que chega de novo no estoque no lugar dos produtos que já foram vendidos.

Quando isso acontece, itens que foram comprados anteriormente acabam ficando sempre no final da fila e não são vendidos. Muitas vezes, vencem por não terem sido disponibilizados na prateleira.

Isso é bem simples de ser corrigido. Basta treinar a equipe para que os produtos do fundo sempre sejam colocados na frente e os que chegarem sejam organizados ao final da fila de estoque. Assim, os itens com vencimentos mais próximos serão vendidos antes e evita perdas no estoque da sua empresa.

Faça promoções

Mesmo quando o controle de estoque é feito corretamente, é possível que exista um item ou outro que fique parado. Às vezes há uma marca que o consumidor não compra ou um tipo de material que você comprou a mais do que era necessário e acabou ficando parado.

É importante não perder os produtos. Por isso que é essencial acompanhar a data de vencimento de todos os itens e ter uma boa visão de tudo o que acontece no setor.

Caso você tenha um ou mais produtos parados, ocupando lugar no estoque e sem perspectiva de venda ou caso possua algo perto da data de vencimento, é hora de fazer promoção.

A ideia é não perder dinheiro. Por isso, aproveite o momento para fazer uma grande promoção em seu estabelecimento comercial. Diminua a margem de lucro, de modo que o preço se torne muito atrativo e chame a atenção do consumidor.

Divulgue a promoção nas lojas, nas redes sociais ou com folders. Ações como essas, além de evitarem que você perca todo o estoque, chamam a atenção dos clientes para o seu estabelecimento.

Sobre o eGestor

O eGestor é um sistema de gestão empresarial. Ele, além de todo o controle financeiro, também controla seu financeiro, vendas, fluxo de caixa, produção e mais! Além disso, todos esses controles são integrados, facilitando a administração da sua empresa.

Juntamente com esses controles, o eGestor também é sistema emissor de notas fiscais eletrônicas, como a NF-e, a NFC-e e a NFS-e, mas também de boletos e relatórios fiscais!

Teste grátis o eGestor por 15 dias!

Escrito por eGestor
O eGestor é um software online para gestão de micro e pequenas empresas. Teste gratuitamente em: https://www.egestor.com.br