GINFES: A plataforma revolucionou a emissão de Notas Fiscais

Escrito em: 17/06/22
Início 9 Empreendedorismo 9 GINFES: A plataforma revolucionou a emissão de Notas Fiscais

Neste post estão reunidas as informações mais importantes sobre o GINFES, aqui apresentaremos o que é o GINFES, sua importância e também como emitir. Então, para conhecer mais sobre o portal, siga a leitura!

GINFES

O que é GINFES

Gestão inteligente da Nota Fiscal de Serviço Eletrônica (GINFES) tem como primordial finalidade possibilitar que negócios emitam Notas Fiscais dos serviços prestados.

Através do portal GINFES, é possível fazer a emissão. Também fazer cancelamentos, bem como gerar arquivos para importar NF no sistema contábil, no formato XML. Dessa forma, é facilitada a escrituração mensal.

O GINFES faz envio de Nota Fiscal de Serviço Eletrônica (NFS-e). Em suma, compreende-se como um modelo de envio de arquivo XML. Dessa forma, contribuintes que fazem a escrituração de uma NFS no modo eletrônico utilizam essa plataforma. Além disso, também é possível declarar movimentos econômicos acerca do Imposto Sobre Serviço (ISS)

Como surgiu o GINFES

O surgimento do GINFES aconteceu por meio da Associação Brasileira das Secretarias de Finanças das Capitais (ABRASF). E a partir do GINFES, foram criados outros modelos, como por exemplo o Betha e Ábaco.

Cada município pode usar seu próprio portal para emitir NFS-e. Nem todos os municípios utilizam o GINFES. Alguns fazem uso do Ábaco, Giss Online e demais sistemas que têm base estruturada a partir da ABRASF.

O GINFES é um sistema criado para atender demandas a nível nacional. E a partir dele, foram criados sistemas para atender demandas municipais. Necessidades específicas de cada região. Essa adaptação é muito benéfica porque um sistema generalista não atenderia às demandas regionais.

Giss Online

O sistema Giss Online é um dos mais usados pelos municípios brasileiros. É uma plataforma que o uso traz alguns benefícios:

Benefícios de usar o Giss Online

  • Sigilo de dados e NFS-e;  
  • Escritura e substituição dos livros fiscais Online e Offline;  
  • Declaração simples. Quando não houver movimento no mês de competência;  
  • Impressão do livro do fisco;  
  • Emitir segunda via do imposto a qualquer momento;  
  • Emissão eletrônica de Certificado. Dessa forma, atesta-se que se procedeu à escrituração fiscal;
  • Emitir de Extratos Diversos; 
  • Solicitar Autorização de Impressão de Documentos Fiscais (AIDF) ou para utilizar Notas Fiscais Eletrônicas via internet;  
  • Canais de comunicação direta com a GissOnline e a Administração: através de Chat, Mensagem eletrônica ou e-mail;  
  • Escriturações personalizadas de acordo com realidades econômicas. Bem como empresas do ramo de Construção Civil, Instituições Financeiras, e demais empresas.

Cidades que usam com o GINFES

Como visto nos tópicos anteriores, não são todas as cidades que utilizam o GINFES. Abaixo, veja uma relação das cidades que fazem uso desse portal:

  • Maceió
  • Marechal Deodoro
  • Manaus
  • Eusébio
  • Mineiro
  • Senador Canedo
  • Araxá
  • Betim
  • Cataguases
  • Itabira
  • Itajubá
  • Itaúna
  • Lagoa Santa
  • Muriaé
  • Pará de Minas
  • Poços de Caldas
  • Pouso Alegre
  • Ribeirão das Neves
  • Ananindeua
  • Santarém
  • Caruaru
  • Paranaguá
  • Umuarama
  • Belford Roxo
  • Campos dos Goytacazes
  • Itaboraí
  • Maricá
  • Nova Iguaçu
  • Guaíba
  • Pelotas
  • Araraquara
  • Bertioga
  • Capivari
  • Cotia
  • Diadema
  • Franca
  • Guaratinguetá
  • Guarujá
  • Hortolândia
  • Itú
  • Jaboticabal
  • Jardinópolis
  • Jaú
  • Jundiaí
  • Mauá
  • Mococa
  • Olímpia
  • Paulínia
  • Porto Ferreira
  • Registro
  • Ribeirão Pires
  • Ribeirão Preto
  • Rio Claro
  • Salto
  • Santa Rita do Passa Quatro
  • Santo André
  • Santos
  • São Sebastião
  • Suzano
  • Votuporanga.
GINFES

Então, como visto, são essas as cidades que operam com a plataforma GINFES.

Como entrar no GINFES da cidade

Basta digitar o endereço conforme o modelo http://nome-do-municipio.GINFES.com.br na barra de pesquisa do Google.

Conforme dito no post, a Nota Fiscal de Serviço Eletrônica (NFS-e) é gerada e armazenada eletronicamente pelo município ou por outra órgão conveniado que tem como objetivo documentar operações de serviços prestados,

Exemplos: http://maceio.GINFES.com.br ou http://manaus.GINFES.com.br.

Relação do GINFES com Nota Fiscal de Serviço Eletrônica (NFS-e)

Conforme visto, esse documento digital é usado para registrar vendas. Tem o objetivo de registrar operações comerciais. A NFS-e é gerada e armazenada por meio de sistemas próprios como GINFES, sistemas privados e conveniados aos municípios. Exemplo de sistema privado são os softwares de emissão de NF e gestão.

Desse modo, o registro da NFS-e é feito através do FINGES. E os documentos fiscais — todos os tipos e modelos de nota — são de suma importância tanto para empresas quanto para clientes.

Como emitir NFS-e através do GINFES

Ademais, o procedimento para emitir NFS-e utilizando o GINFES é feito de maneira prática e fácil. Primeiramente, é necessário acessar o portal conforme a cidade em que vai emitir o documento fiscal.

Já dentro do portal GINFES, busque pela ferramenta “Emitir NFS-e”. Depois disso, deve ser indicado o tomador que pode ser feito das seguintes maneiras;

  1. Através da pesquisa, indicando uma das opções ( CPF/CNPJ, Inscrição Municipal ou Nome/Razão Social) e clicando em “Pesquisar”. 
  2. Através do preenchimento de maneira manual dos dados do tomador. Em opções: Selecione o tipo de tomador e Dados Tomador.

A seguir, deve ser feito o preenchimento correto dos campos referentes à prestação de serviços e clicar em “emitir NFS-e”.

o sistema GINFES enviará um e mail para o tomador acompanhado de um link para visualização da NFS-e, conforme exemplo abaixo:

como emitir nfs-e através do ginfes

Primeiro acesso GissOnline e a Nota Fiscal de Serviços Eletrônica

As cidades têm aderido à sua legislação a obrigação de emitir a Nota Fiscal de Serviços Eletrônica (NFS-e). Através do GissOnline, possibilita a solicitação da autorização da AIDF/NFS-e. Essa autorização permite ao contribuinte fazer emissões dos documentos fiscais. 

A emissão NFS-e é feita, em alguns municípios pela plataforma GINFES ou então, se o município utilizar a GissOnline, os sistemas serão integrados.

Então, para fazer a autorização e liberar o sistema emissor de NFS-e, é necessário que o usuário faça uma solicitação ao GissOnline. Depois da solicitação feita, é necessário aguardar a validação dos dados. A verificação é feita pelo Departamento de Fiscalização Tributária no Município. 

Dessa forma, a emissão do documento fiscal, o contribuinte deverá acessar o ambiente disponibilizado pela cidade com login e senha de acesso. Para então preencher os dados para a emissão do documento.

Assim que o documento fiscal for emitido pelo prestador, o GissOnline faz a integração dos dados do documento. Desse modo, a integração é feita de maneira automática no ambiente digital. Além disso, é necessário prestar atenção às informações necessárias ao preenchimento no Registro de Livro Fiscal de Serviços Prestados. Então, as informações do documento são consideradas. O sistema identifica o valor da tributação do imposto devido ao município.

Desse modo, quanto ao prazo para cancelamento da NFS-e, varia de um município para outro. Geralmente às Leis municipais determinam prazo para o cancelamento do documento no portal da emissão da Nota Fiscal de Serviços. E caso o contribuinte ultrapasse o prazo permitido, é possível cancelar através de processo administrativo. Junto à Prefeitura em algumas situações.

Quem usa a GissOnline?

Ademais, os tomadores, prestadores de serviços e demais contribuintes cadastrados junto ao município. Esses contribuintes têm obrigação de preencher o GissOnline. Sempre de acordo com a legislação municipal. Essas legislações podem mudar conforme o município.

Quanto aos prestadores de serviço que não pertencem a cidade, devem se atentar à legislação da cidade onde estão fazendo a execução dos trabalhos. Desse modo, alguns municípios podem obrigar os prestadores a fazer a escrituração no GissOnline. 

Conforme às legislações, uma senha de acesso no Portal GISSOnline deve ser gerada. Dessa forma é possível fazer o preenchimento dos dados no sistema. A seguir, o caso de cada contribuinte:

GissOnline – O tomador

Na área do tomador, quando as notas fiscais de serviços são emitidas por prestadores sendo do mesmo município. O portal automaticamente identifica a emissão do documento. E assim, sendo necessário apenas o “aceite” para escriturar no Registro de Livro de Serviços Tomados. Enfim, todas as informações descritas no documento serão registradas no livro fiscal do sistema de maneira automática.

E então, caso não tenha solicitado o serviço a nota fiscal de serviço pode ser recusada. Durante esse processo é possível fazer o registro do motivo e encaminhar ao prestador de serviço informando o motivo da recusa.

Ademais, para esse caso, o prestador deve tomar as medidas necessárias junto ao município para o cancelamento do documento.

No entanto, para documentos fiscais, em que o prestador é de fora do município, o tomador escritura o documento na GissOnline. Nessa escrituração, informa todos os dados referentes ao serviço. Bem como data, número de documento, código da atividade, alíquota, dados do prestador e local onde houve a execução de serviço.

Escrituração em sistemas próprios, a GissOnline dispõe na plataforma a importação das informações através de arquivo.TXT. É necessário preencher corretamente conforme os campos descritos no layout.

 GissOnline – Para construção civil

Ao escriturar NFS-e, é preciso cadastrar o código da obra. Esse código indica onde o serviço foi feito. Além disso, também esse código deve constar na emissão da NFS.

Ademais, no cadastro de obras deve ser observado o preenchimento correto para a opção de “abatimento”. Alguns municípios permitem um percentual de abatimento do material aplicado em obras. Esse dado deve estar preenchido no cadastro. Dessa forma, não gerará posteriormente inconsistências da declaração do tomador versus prestador do serviço.

construção civil

 GissOnline – Prestador de serviços

Conforme o que diz respeito à emissão da NFS-e, o sistema de maneira automática reconhece os documentos no Livro de Serviços Prestados. Além de reconhecer, também armazena os dados referente à movimentação do documento.

Então, o GissOnlinfe considera todas as informações contidas nele. Automaticamente o sistema GissOnline faz a apuração do imposto devido ao município e reconhece o responsável pelo pagamento.

Encerramento do período 

Para a finalização da escritura é necessário gerar o certificado de encerramento. Nesse certificado consta todos os dados da movimentação financeira da empresa.

Ao encerrar, o sistema dispõe a geração da guia para pagamento. Referente ao valor gerado. Dessa forma é possível também gerar a segunda via e os boletos atualizados. Caso tenha pagamentos em atraso.

Desse modo, no caso dos períodos sem movimentação financeira na empresa; É preciso fazer o fechamento com a opção “Encerrar sem movimento”.

Vencimento do imposto ISSQN

O vencimento do Imposto Sobre Serviço de Qualquer Natureza (ISSQN) bem como a data de encerramento da GissOnline devem ser verificados conforme legislação municipal. Visto que há variação de um município para outro. 

Ademais, o contribuinte deve fazer o acompanhamento da a opção “Aviso Importante” do portal. Desse modo, nessa opção constam as divergências apontadas pelo sistema. Divergências como a Nota Fiscal não escriturada. Essa divergência específica acontece quando tomador e prestador do mesmo município. Além disso, consultar as pendências de ISS.

Então, se houver inconsistências, o contribuinte deve resolver as irregularidades. Essas informações podem dificultar a emissão da certidão negativa de débitos junto ao município.

A escrituração substitutiva

Há a possibilidade de fazer correções na escrituração através da opção “Escrituração Substitutiva”. Nessa opção o contribuinte pode excluir documento escriturado em desacordo. Corrigindo o que for necessário ou incluir um documento fiscal que não foi escriturado anteriormente. 

Como integrar o meu ERP ao Ginfes? 

Desse modo, para integrar de maneira eficaz. É necessário considerar os dispositivos do manual fornecido pela prefeitura. E então, para algumas prefeituras, o documento está disponível no GINFES do município. Assim sendo, quanto maior for o número de municípios integrados, maior será a dificuldade.

Afinal, cada região tem suas particularidades características. E além disso, podem sofrer alterações.

Através de uma única API é possível emitir NFS-e em todo o Brasil. Emitir inclusive em regiões sem serviço web. Um bom ERP, como o eGestor, faz a integração dos aspectos fiscais bem como a emissão de notas. E dessa forma, GINFES e sistema ERP ficam integrados.

ERP

Conclusão: O que podemos concluir sobre o GINFES?

É possível concluir que a plataforma GINFES revolucionou a forma de emitir NFS-e. Além disso, a GINFES serviu de base e impulsionou para que outras plataformas de funcionamento similares surgissem. Sendo assim, atendendo as demandas de cada região.

Por conseguinte, a GINFES é uma facilitadora de rotinas. Além disso, diminui e otimiza o tempo para resolução de burocracias relacionadas a emissão de notas. Em suma, a plataforma GINFES trouxe vários benefícios para os empreendedores bem como para sociedade. Conforme visto a importância de emitir documentos fiscais, a GINFES além de tudo, garante o cumprimento da legislação e assegura a garantia dos direitos dos consumidores.

<a href="https://blog.egestor.com.br/author/pedro-henrique-escobar/" target="_self">Pedro Henrique Escobar</a>

Pedro Henrique Escobar

Pedro Henrique Escobar é formado em Administração e gerente de marketing no eGestor. O eGestor é uma ferramenta online para gestão de micro e pequenas empresas. Teste gratuitamente em: eGestor.

Você também pode gostar…

Planilha de Ponto de equilíbrio Excel – Download Grátis 2021

Download Grátis Uma boa gestão empresarial é indissociável de uma boa contabilidade. Por isso, empresas que desejam crescer devem sempre aplicar métodos contábeis para poder ajustar as contas. Um desses é o ponto de equilíbrio, que ajuda...

Planilha de Margem de Contribuição: Download Grátis

Download Grátis A planilha de margem de contribuição é considerada uma das ferramentas mais importantes dentro de um processo de gestão de empresas. Com ela, é possível fazer o cálculo exato do quanto a empresa tem disponível depois de...

Planilha de Custo Médio: Download Grátis

Download Grátis Quando falamos em gestão eficiente de empresas, não podemos deixar de falar em controle de estoque. Quem entende que um bom gerenciamento de produtos armazenados é fundamental para o sucesso, está no caminho certo. Afinal,...

Planilha de Frente de Caixa: Baixe o modelo grátis agora!

Download Grátis Você sabe o que é frente de caixa e por que ela é importante para o seu negócio? Apesar de muitos gestores não darem atenção a esse setor da empresa, a verdade é que a frente de caixa é um dos pontos principais da...

Planilha de Controle de Produção [Download Grátis]

Download Grátis A maioria dos produtos comprados pelos consumidores são resultados de transformações de uma matéria-prima. E alguém deve fazer essa transformação. Por isso, existem empresas responsáveis por realizar essas alterações. Elas...

Planilha de Cadastro de Clientes em Excel [Download grátis]

Download Grátis Todos os dias passam por uma empresa diversos dados. Acontece que, independente do tamanho dela e da quantidade de dados, estes devem ser registrados. Essa organização pode trazer grandes benefícios para a empresa tanto no...

Planilha de Orçamento Empresarial [DOWNLOAD GRÁTIS]

Download Grátis Orçamento, segundo o dicionário é o ato de orçar, ou seja, fazer um cálculo para chegar a estimativa de gasto de um projeto. Esse projeto pode ser de vários tipos. Ele pode ser orçamento para uma viagem, para um casamento,...

Planilha de custo de funcionário: Como realizar o cálculo

Download Grátis Quando decide contratar um funcionário, o empreendedor costuma pensar no salário que terá que pagar todos os meses, mas nem sempre se dá conta do custo total deste colaborador para a empresa. Você também é assim? Pois...

Planilha de DRE: Modelo para download [Grátis]

Download Grátis A Demonstração do Resultado do Exercício (DRE) faz parte da gestão financeira de empresas e empreendedores. A sigla é bastante conhecida em escritórios de contabilidade por ajudar a manter um controle periódico de todas as...

Planilha de Controle Financeiro Empresarial – Download Grátis

Download Grátis Um bom controle financeiro é imprescindível para a sobrevivência das micro e pequenas empresas. É essencial que os empresários tenham absoluta noção de que o caixa de suas empresas não pode ser propriedade individual. Não...

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

error: Content is protected !!