Microcrédito: saiba como conseguir para o seu negócio

Composto por forças a agentes que são ligados à empresa e têm capacidade para alterar sua capacidade competitiva, o microambiente envolve as variáveis externas (não controláveis), como a política interna do negócio, a concorrência, o público alvo, os fornecedores e os prestadores de serviços, e variáveis internas (controláveis), como a produção, o financeiro, o comercial, os Recursos Humanos e as estratégias de marketing.

O macroambiente de uma empresa, por sua vez, é composto por variáveis externas mais complexas. Essas, são questões sociais (demográfico/cultural), econômicas, naturais e políticas/legais, que têm capacidade para interferir em seu funcionamento, seja de forma positiva ou negativa. Nesse sentido, vale ressaltar que essas variáveis são capazes de afetar o conjunto da sociedade e suas atividades. E isso acontece porque elas envolvem matérias relativas à população.

Para que uma empresa tenha êxito em suas ações e resultados positivos em suas estratégias de marketing, é fundamental que suas ações sejam desenvolvidas de forma adaptada para o microambiente e para o macroambiente. E é nesse momento que muitos empreendedores ficam em dúvida sobre como fazer análises construtivas de micro e macroambiente empresarial para fazer com que o negócio cresça.

Quer saber como fazer análise de microambiente e de macroambiente empresarial? Confira nesse artigo exclusivo todas as dicas e informações que temos para você! Veja abaixo:

O que é microambiente empresarial?

O microambiente empresarial é composto por variáveis internas controláveis; e externas, não controláveis. Assim, ambas afetam o modo como uma empresa funciona diante de seu mercado. Isto é, o sucesso das ações de marketing de um negócio depende, de forma direta, de outros atores do microambiente interno empresarial. São eles: os fornecedores, os intermediários, os concorrentes, os clientes e os públicos, além dos elementos internos.

Microambiente interno

O microambiente interno são as variáveis internas da empresa, ou seja, aquelas que podem ser controladas internamente. Dessa forma, é possível identificar as forças e as fraquezas dentro de tais variáveis. Elas são os próprios setores da empresa, assim sendo, RH, marketing, comercial, financeiro e outros.

Microambiente externo

O microambiente externo são as variáveis que não se pode controlar. Entre elas estão os fornecedores, que são de extrema importância no que se refere à entrega de valor para os clientes de uma empresa. Isso porque são eles que dispõem dos recursos necessários para que um negócio possa oferecer produtos e/ou serviços aos clientes.

Também os intermediários, que, por sua vez, são os responsáveis por fazer as intermediações necessárias para que esta empresa consiga fazer com que os seus produtos/serviços cheguem até o público alvo.

Já os concorrentes são importantes para que os profissionais de marketing da empresa saibam de que forma devem elaborar estratégias ou uma campanha que seja melhor do que a da concorrência.

Enquanto isso, os clientes devem ser estudados pela empresa para que ela saiba exatamente como conquistá-los e os fidelizar.

Os públicos, por sua vez, são quaisquer grupos com interesse real na capacidade do negócio de atingir seus principais objetivos.

Isto é, para que uma empresa tenha eficiência em todo o seu processo de vendas, é essencial que ela tenha conhecimentos sobre a complexidade de seu microambiente (produção, financeiro, comercial, RH, marketing, fornecedores, intermediários, clientes, concorrentes, públicos). Isso porque quaisquer alterações nesse ambiente devem ser captadas para que o profissional de marketing saiba como se manter atualizado e encontre soluções.

Guia de Otimização de Processos

Como fazer a análise de microambiente empresarial?

A análise do microambiente empresarial é realizada para que a empresa saiba como se comportam os seus setores e como se comportam as variáveis externas. Estas variáveis incluem os fornecedores, os intermediários, os clientes, os concorrentes e o público. Portanto, trata-se de uma análise de ambiente que tem o objetivo de captar as informações necessárias para que se possa desenvolver estratégias eficientes. Tudo isso em função da conquista de resultados positivos.

Dessa forma, para fazer a análise de microambiente empresarial será preciso levar em consideração as informações do setor de produção, do setor comercial, do RH e o marketing; mas, também, as relações com os fornecedores, intermediários, clientes, concorrentes e os públicos. Afinal, essas informações oferecem os indicadores que o negócio precisa para elaborar estratégias mais eficientes para atingir os seus principais objetivos.

Qual é a capacidade de produção da sua empresa? De que forma o setor comercial atua? Há problemas de RH? Como tem sido o desempenho das suas estratégias de marketing? Como é a relação com os fornecedores? De que forma os intermediários estão fazendo com que os seus produtos/serviços cheguem até o consumidor final? Como os clientes se comportam em relação aos produtos/serviços da sua empresa? A sua empresa é melhor que os seus concorrentes? A qual público atende?

Para o desenvolvimento da análise de microambiente empresarial será preciso responder a todas essas questões e organizá-las de forma lógica. Assim, se pode ter as informações necessárias para que haja planejamento e organização nas estratégias de marketing. Afinal, o sucesso da campanha de marketing do seu negócio depende diretamente da forma como as variáveis internas e externas que compõem o microambiente têm influenciado a empresa.

O que é macroambiente empresarial?

O macroambiente de uma empresa é composto por variáveis externas, não controláveis, que são bem mais complexas em comparação às variáveis que compõem o microambiente. Entre essas variáveis externas estão as forças como:

  • O ambiente demográfico: se refere ao estudo da população (tamanho, idade, sexo, etnia, localização e todos os dados estatísticos importantes para a empresa). Ele é essencial para que o negócio saiba como se comportam os indivíduos que constituem o mercado.
  • as questões econômicas: englobam o comportamento do consumidor (hábitos de compra) e os fatores que podem afetar o seu poder de compra.
  • o ambiente natural: é composto pelos recursos naturais que os profissionais da empresa utilizam como subsídio e que podem ser afetados pelos recursos utilizados pela equipe de marketing.
  • o ambiente tecnológico: se refere à pesquisa e desenvolvimento por parte da empresa para que a mesma saiba como utilizar essa força para obter sucesso.
  • as questões políticas e legais: envolvem as leis, questões governamentais e as pressões que são capazes de limitar as organizações e indivíduos.
  • e o ambiente cultural: engloba as instituições e forças que têm poder para afetar os valores básicos da empresa, bem como o modo como a sociedade enxerga o negócio, as preferências desse público e como ele se comporta.

Isto é, todas essas forças que compõem o macroambiente empresarial têm capacidade para afetar, de forma positiva ou negativa, as ações de marketing desenvolvidas por uma empresa.

Como fazer a análise de macroambiente empresarial?

A análise de macroambiente empresarial é realizada para que uma empresa saiba como se comportam as forças do seu macroambiente. Isso significa entender o ambiente demográfico, as questões econômicas, o ambiente natural, o ambiente tecnológico, as questões políticas e legais e, também, o ambiente cultural. Dessa forma, para fazer a análise desse ambiente, será necessário realizar pesquisas e estudos mais complexos a fim de obter todas as informações necessárias para desenvolver ações de marketing inteligentes.

Isto é, será preciso saber para qual ambiente demográfico a empresa atua, qual é a situação econômica e se ela está afetando o poder de compra de seus consumidores, quais são os recursos naturais utilizados pela equipe de marketing, verificar de que forma o desenvolvimento e pesquisa se dá por parte do negócio a fim de alavancar sua lucratividade, quais são as questões políticas e legais que limitam as suas atividades e a cultura do público alvo, em especial, a forma como este enxerga a empresa.

Quais são as características demográficas dos indivíduos que constituem o mercado do seu negócio? De que forma a situação econômica está afetando os hábitos de compra dos seus clientes? Como os profissionais do empreendimento têm utilizado os recursos naturais como subsídio? Como a sua empresa tem investido em desenvolvimento e pesquisa para promover melhorias? Quais aspectos políticos e legais têm influenciado nas limitações do seu negócio? Qual é a cultura do seus potenciais clientes?

Para o desenvolvimento da análise de macroambiente empresarial será imprescindível responder à todas essas perguntas e organizar essas informações de forma inteligente. Afinal, com essa análise será possível elaborar as iniciativas e ações de marketing com organização e planejamento, o que é primordial para uma campanha de sucesso.

eGestor - Software online de gestão empresarial para pequenas empresas - microambiente e macroambiente empresarial

Como fazer a análise de microambiente e de macroambiente empresarial

Uma empresa precisa ter conhecimento sobre as variáveis internas e externas que influenciam de forma direta nas ações de marketing por ela desenvolvidas. Ou seja, não há como a equipe de marketing agir sozinha para garantir os resultados positivos desejados pelo negócio. Isso, porque todos os fatores e forças que envolvem as variáveis também exercem impacto nas campanhas publicitárias da empresa.

Nesse sentido, a análise de microambiente e de macroambiente empresarial trata-se de uma pesquisa que leva em consideração todas as variáveis discutidas. São elas:

  • a empresa
  • os fornecedores
  • os intermediários
  • os clientes
  • os concorrentes
  • os públicos
  • o ambiente demográfico
  • as questões econômicas
  • o ambiente natural
  • o ambiente tecnológico
  • as questões políticas e legais
  • e o ambiente cultural

Isto é, a junção das análises do micro e do macroambiente do negócio.

Assim sendo, para fazer esta análise será preciso responder à todas as questões que envolvem as variáveis internas e variáveis externas. Em suma, trata-se de um estudo bastante complexo. Com ele, a equipe de marketing tem todas as informações necessárias para a realização e desenvolvimento de estratégias e campanhas que possam obter objetivos. Entre estas estratégias e campanhas, estão vender mais, captar novos clientes e/ou fidelizar o público.

Com a análise de microambiente e de macroambiente empresarial, uma empresa também pode se tornar um negócio mais organizado e atuar de forma planejada. Além disso, ela tem as informações pertinentes à elaboração de ações de marketing realmente eficientes.

Afinal, quando se tem um relatório completo é possível ter um estudo completo sobre como a empresa deve atuar, não apenas diante de seu mercado, mas, também, em relação ao seu funcionamento interno.

Conclusão

Para fazer a análise de microambiente e de macroambiente é preciso reunir todas as questões que envolvem as várias internas e externas de um negócio. Essa análise completa, por sua vez, permite que uma empresa atue de forma sólida no mercado e elabore campanhas publicitárias que realmente sejam capazes de atingir o público alvo. Dessa forma todos os fatores que podem influenciar na estratégia de marketing são levados em consideração por essa pesquisa complexa e profunda.

No entanto, vale ressaltar que é preciso unir teoria à prática para que se tenha os resultados desejados, como vender mais ou captar mais clientes para uma empresa. Dessa forma, é importante que seja desenvolvida uma análise de microambiente e de macroambiente empresarial de qualidade para que o negócio logre êxito nas questões que se referem às campanhas de marketing. Isso significa que cada estudo de cenário e comportamento deve ser elaborado com cuidado e de forma detalhada.

A análise de microambiente e de macroambiente serve não apenas para promover as ações de marketing, mas também para que a empresa tenha amplo conhecimento na área em que atua. O sucesso das estratégias publicitárias, afinal, nada mais é do que a consequência sobre a forma como a empresa investe em pesquisa para agradar e atender às expectativas de seu público consumidor.

Qual é a sua opinião sobre esse artigo? Compartilhe e deixe o seu comentário!

Escrito por eGestor
O eGestor é um software online para gestão de micro e pequenas empresas. Teste gratuitamente em: https://www.egestor.com.br