fbpx

Aplicativos de gestão empresarial

A tecnologia está cada vez mais presente em nossa vida pessoal. Todos os dias acessamos diversos aplicativos ao longo do dia e nem sempre percebemos como essas ferramentas são úteis na nossa rotina. Assim, os aplicativos de gestão empresarial têm o mesmo objetivo dos aplicativos de uso pessoal: facilitar a vida e o trabalho. Mas, nesse caso, não falamos da pessoa física e sim do gestor que está à frente de uma empresa.

Através deles, é possível monitorar projetos, gerenciar finanças, vendas e outras tarefas rotineiras de uma organização empresarial. Veja a seguir algumas opções disponíveis e quais são as vantagens desses aplicativos de gestão empresarial.

Soluções de um aplicativo de gestão comercial

Gerenciar uma empresa não é uma tarefa fácil. Pelo contrário, é uma função bastante desafiadora, cheia de conflitos, surpresas e que exige muito jogo de cintura para dar conta de tudo, com o mínimo possível de riscos. 

Por isso, os aplicativos de gestão empresarial estão disponíveis no mercado para auxiliar o empreendedor a fazerem um trabalho mais seguro, específico e bem direcionado.

sses dispositivos digitais atuam em diferentes frentes dentro de uma organização, sendo os principais o setor financeiro, o estoque e as vendas, como veremos a seguir:

Aplicativos para gerenciamento financeiro

Dentro do setor financeiro, um aplicativo de gestão tem um papel crucial: manter as finanças da empresa em ordem e em saldo positivo, de preferência. 

É por isso que o controle financeiro que ele faz é geral. Ou seja, os aplicativos de gestão empresarial atuam:

  • no controle de gastos;
  • no gerenciamento do fluxo de caixa;
  • na análise dos rendimentos e investimentos e na disponibilidade de crédito;
  • e ao realizar atividades burocráticas, como emissão de notas fiscais e boletos bancários.

Aplicativos para gerenciamento de estoque

Outro setor que se beneficia bastante com os aplicativos de gestão empresarial é o de estoque. A utilidade é fácil de perceber, uma vez que o setor de armazenagem de produtos é um dos que mais sofre com falta de gerenciamento e controle.

Assim, os aplicativos permitem o controle de estoque geral. Ou seja, permite a contagem dos produtos, a rotatividade dos objetos, registro de entrada e saída dos mesmos, classificação das unidades, realização de inventários e muito mais.

O interessante é optar por aplicativos que façam a interligação entre os vários setores da empresa, visto que eles fazem parte de uma unidade. Uma tarefa executada em um determinado setor interfere diretamente no trabalho do outro setor e assim por diante.

Aplicativo para vendas

Os aplicativos de vendas são indispensáveis para que o gestor possa controlar e monitorar o interesse do público pelo seu produto, bem como verificar a atuação de cada profissional que faz parte da sua equipe de colaboradores, como vendedor e supervisor.

Assim, com eles, o gestor consegue controlar os pedidos, registrar as vendas realizadas por cada vendedor, elaborar estatísticas sobre o desempenho de cada um deles, averiguar aqueles produtos que mais saem e os que têm menos demanda e muito mais.

Além disso, os aplicativos de vendas também emitem relatórios de vendas, boletos e notas fiscais. Um verdadeiro suporte contábil para o gestor, que nem sempre consegue manter esse controle financeiro em dia.

Por que usar um aplicativo de gestão empresarial

Os aplicativos de gestão empresarial foram desenvolvidos para melhorar a experiência do usuário com os diversos serviços que ele consome e precisa utilizar ao longo do dia, seja nos estudos, no trabalho, no lazer ou ao se comunicar com outras pessoas.

No mundo dos negócios, os aplicativos são ainda mais importantes e funcionais. Assim, na maioria das vezes, e para os negócios que estão começando, os aplicativos são verdadeiros parceiros na desafiadora tarefa de gerir uma empresa de forma saudável.

Portanto, é muito comum que um empreendedor iniciante, MEI (Microempreendedor Individual), profissional autônomo, pequeno ou médio empresário, encontre nos aplicativos de gestão empresarial uma maneira de reduzir custos na contratação de pessoal.

Além disso, a automatização de muitas tarefas diminui os erros facilmente cometidos, especialmente por iniciantes, na gestão financeira do negócio. Ainda facilita diversas tarefas, como, por exemplo, o pagamento duplicado de boletos, o não recebimento de pagamentos, atrasos e acúmulo de juros por despesas não quitadas, dentre outros equívocos.

Isso sem falar em todo o processo de gestão contábil, também realizado por aqueles aplicativos mais completos.

💡 Você também pode gostar: 7 aplicativos que todo gestor de PME deve utilizar

Principais vantagens de um aplicativo de gestão empresarial

  • Maior controle, organização e planejamento financeiro, essencial para o crescimento saudável de qualquer empresa;
  • Agilidade na comunicação e troca de informações entre setores e colaboradores;
  • Baixo custo na execução de várias funções;
  • Acompanhamento em tempo real de movimentações financeiras e vendas;
  • Rapidez na realização de serviços contábeis;
  • Maior controle de documentos fiscais;
  • Definição de estratégias mais assertivas a partir das informações obtidas com os relatórios emitidos pelos aplicativos;
  • Tomada de decisões mais coerentes com a realidade e necessidades da empresa;
  • Monitoramento e controle da equipe de vendas. É possível estipular metas, planejar capacitações, pensar em novas admissões ou melhor distribuição de funções;
  • O empreendedor tem mais tempo para se dedicar às funções mais elaboradas da empresa, como a parte de discussão e levantamento de ideias, prospecção e manutenção de clientes, desenvolvimento de campanhas de divulgação, etc;

Conclusão

Como pudemos perceber, os aplicativos são ferramentas de gestão modernas, rápidas, inteligentes, versáteis, fáceis de usar e de aplicar em negócios de vários tamanhos e nichos.

Em meio a muitas possibilidades, é importante que o gestor conheça, estude e selecione aquela ferramenta que realmente será útil para a empresa, evitando o acúmulo de aplicativos, o que pode causar mais confusão do que bons resultados.

Banner-conversao-eGestor-blog
Início 9 Sistema de Gestão 9 Aplicativos de gestão empresarial
Escrito em: 07/10/21
<a href="https://blog.egestor.com.br/author/pedro-henrique-escobar/" target="_self">Pedro Henrique Escobar</a>

Pedro Henrique Escobar

Pedro Henrique Escobar é formado em Administração e gerente de marketing no eGestor. O eGestor é uma ferramenta online para gestão de micro e pequenas empresas. Teste gratuitamente em: eGestor.

Comentários:

Compartilhe seu comentário, dúvida ou sugestão!

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar…

Controle financeiro empresarial: Como fazer passo a passo

Passo a passo para fazer o controle financeiro da sua empresa Faça o controle do fluxo de caixa Separe custos e receitas Planejamento de recebimentos e pagamentos Registre todas as operações financeiras Tenha um orçamento bem estruturado...

Faturamento: O que é, como calcular e aumentar o seu

Porque o faturamento é tão importante para a empresa? Porque ele é o valor, em dinheiro, que a empresa recebeu em um período. Assim, ele demonstra se o resultado foi satisfatório ou não. Com o acompanhamento se tem uma melhor ideia da...

Nota fiscal eletrônica: tudo o que você deve saber [ATUALIZADO]

A Nota Fiscal Eletrônica (NF-e) é um documento cuja função é atestar a venda de um produto ou a prestação de um serviço. Ela foi desenvolvida com o objetivo de substituir alguns sistemas de impressão de documentos fiscais em papel. Assim...

Gestão empresarial: guia definitivo para o sucesso do seu negócio

Toda empresa precisa ter um objetivo, uma missão maior que guie todas as suas atividades. Independente de qual for esse objetivo, ele tem tudo a ver com a gestão empresarial. Isso porque é através de uma gestão empresarial competente e...

ERP: O que é e vantagens [GUIA COMPLETO]

Teste Grátis A administração de uma empresa acontece diariamente, com processos e controle que devem ser feitos a todo momento. Esses processos são o que mantém a empresa funcionando, e esse controle é o que mantém as contas em dia e os...

Nota Fiscal de Serviço Eletrônica (NFS-e): o que é e quem emite

A NFS-e, ou Nota Fiscal de Serviço Eletrônica, é um dos tipos de notas fiscais que existe juntamente com a nota fiscal, a nota fiscal do consumidor e o conhecimento de transporte. Elas são úteis para empresas que tem como uma das funções...

Controle de Estoque: Como fazer um controle profissional

Porque o controle de estoque é tão importante para a empresa? O estoque é o principal ativo de uma empresa, sendo a forma mais importante de fazer dinheiro. Por isso, ter total atenção a gestão do estoque é de extrema importância. Se a...

Fluxo de Caixa: Guia de como fazer o da sua empresa

O que é o fluxo de caixa?O fluxo de caixa é o controle de todos os valores que entram e saem do financeiro da empresa. Qual o objetivo do fluxo de caixa?O objetivo do fluxo de caixa é garantir a saúde financeira do negócio, assegurando...

NFC-e (Nota fiscal de consumidor eletrônica) [Atualizado]

Emitir NFC-e Todo produto ou serviço vendido, deve ter sua comprovação fiscal e um dos meios de atestar essa transação é a nota fiscal. Afinal, ela dá segurança tanto à empresa que vende o produto, quanto ao consumidor que o compra....

Guia do MEI: Tudo sobre o MEI – Blog do eGestor

O MEI (Microempreendedor Individual) é um tipo de empresa voltado para formalização de profissionais autônomos. O custo para abrir um MEI é zero. Os impostos pagos pelo MEI são o ICMS, pela venda de mercadorias, o ISS, por prestação de...