emissão de nota fiscal eletrônica

Você sabe o que é centro de custo?  Nada mais é do que uma separação de todas as finanças que envolvem a gestão de uma empresa. Sendo assim, um dos objetivos de um centro de custo é permitir com que os diferentes setores organizacionais, possam controlar as suas finanças de uma forma independente.

As finanças empresariais podem ser organizadas em diferentes centros de custo em relação as finanças adminsitrativas  e operacionais, por exemplo, dentre outras formas de gerenciamento. 

A estruturação do centro de custo por setores, pode trazer uma série de benefícios para a gestão financeira de sua empresa. O centro de custo possibilita um fácil levantamento a respeito das necessidades orçamentárias para viabilizar as atividades de cada setor.

Outra vantagem de se implementar um centro de custo, é a facilidade para analisar o impacto causado por cada um destes departamentos no orçamento da empresa de uma forma geral.

Quais os setores possuem um maior direcionamento de recursos? Quais geram mais faturamento para a empresa? De quais departamentos vem a maior parte das despesas organizacionais? São informações que podem ser facilmente identificadas a partir da estruturação de centro de custos.

Com as movimentações financeiras categorizadas por centro de custo, é possível avaliar com clareza de onde vem a maior parte dos gastos e receitas da sua empresa.

As informações armazenadas em um centro de custo, permitem um direcionamento muito mais preciso nos processos de tomada de decisão em sua empresa e possibilitam um controle financeiro centralizado de cada departamento específico. São dados que podem vir a identificar excesso de gastos e possíveis cortes no orçamento de determinado setor e seja realocado em outro, por exemplo.

Um centro de custo bem estruturado permite um melhor entendimento de todas as suas despesas e traz maior agilidade na identificação de gastos da sua empresa.

Essa ferramenta também pode ser de extrema utilidade para micro e pequenas empresas, que não possuem uma grande variedade de setores. Neste caso, a estruturação básica de um centro de custo deve conter os custos administrativos, custos operacionais e custos referentes a divulgação, por exemplo.

Quais são os diferentes tipos de centro de custo?

Os centros de custo podem ser divididos pelas empresas em dois tipos: o centro de custo produtivo e o centro de custo não produtivo. Um centro de custo produtivo é aquele setor que possui um impacto direto nas vendas de uma empresa.

Além do setor de vendas propriamente, podem ser inseridos em um centro de custo produtivo, os setores de marketing, atendimento ao cliente e controle de estoque, por exemplo.

Já um centro de custo não produtivo é um setor que não possui uma influência direta nos lucros empresariais, como por exemplo, os setores responsáveis pela gestão financeira, administrativa ou pela parte jurídica de uma empresa, ou mesmo pela parte contábil.

Como estruturar um centro de custo?

Primeiramente é preciso ter todas as áreas que geram receitas e despesas para a empresa, bem especificadas e categorizadas. Dessa forma, será possível gerenciar o orçamento e registrar as movimentações financeiras de cada departamento da empresa. 

Em caso de micro e pequenas empresas que não possuem uma grande variedade de setores, a implementação de um centro de custo é ainda mais facilitada.

Basta identificar os fatores que geram receitas e despesas para a empresa, independente de departamentos. Especialmente se o seu negócio ainda se encontra em um estágio muito inicial, ter uma visão clara a respeito das suas fontes de entradas e origens de saídas de caixa, é imprescindível.

Afinal, a falta de controle financeiro está entre os principais fatores que levam a mortalidade das empresas.Veja a seguir algumas vantagens que a utilização de um centro de custo pode trazer para a sua empresa:

Planilha de controle Financeiro gratuita

Facilidade de avaliação

Em muitas situações, os empresários encontram dificuldades para identificar a origem dos problemas financeiros de suas empresas.

A partir de um centro de custo esta identificação torna-se muito mais facilitada, já que todos os gastos são organizados separadamente por cada departamento. Assim, é possível enxergar com mais clareza o impacto financeiro de cada setor  de uma forma isolada. 

Redução de despesas

Como falamos anteriormente, o centro de custo possibilita uma fácil identificação de problemas financeiros e uma maior clareza na análise de todas as despesas empresariais, em relação a origem de cada uma delas.

Sendo assim, é possível cortar gastos do orçamento com uma maior precisão e deixar o seu fluxo de caixa mais equilibrado, direcionando recursos de uma forma precisa de acordo com as necessidades orçamentárias de cada orçamento.

Planilha de fluxo de caixa financeiro

Responsabilidade dividida

Com a divisão de centro de custos, os gestores possuem acesso a todas as movimentações financeiras e orçamento de seus respectivos departamentos. Sendo assim, eles possuem uma maior base de dados para as tomadas de decisões e também terão a responsabilidade de manter o equilíbrio financeiro da empresa.

O centro de custo possibilita um melhor planejamento de ações estratégicas para cada setor, de acordo com as respectivas disponibilidades orçamentárias e uma maior participação dos gestores de cada departamento no controle financeiro. 

Com o orçamento e movimentações financeiras de cada setor disponibilizados em um centro de custo, os gestores dos diferentes departamentos podem realizar uma gestão orçamentária com um maior equilíbrio,  não realizando investimentos de uma forma descuidada.

Como a tecnologia pode ajudar a estruturar um centro de custo?

Para estruturar um centro de custo de uma forma eficiente em sua empresa, o ideal é contar com ferramentas tecnológicas que sejam capazes de armazenar todas as informações financeiras e possam integrar todos os seus departamentos.

Sendo assim, uma boa alternativa para elaborar o centro de custo em sua empresa é a utilização de um bom sistema ERP online, como o eGestor.

O sistema pode ser acessado a partir de qualquer computador, tablet ou smartphone, sem a necessidade de instalação em um servidor específico, o que significa uma grande praticidade e segurança no armazenamento de dados empresariais.

Com estes benefícios proporcionados por um sistema ERP online, você pode gerenciar as informações do seu centro de custos do local em que estiver e permitir o acesso de todos os gestores do negócio as informações armazenadas! Ficou interessado? Os primeiros 15 dias de testes no eGestor são totalmente gratuitos. Basta acessar o site e começar agora mesmo!

EGestor - Software online de gestão empresarial para pequenas empresas

Escrito por eGestor
O eGestor é um software online para gestão de micro e pequenas empresas. Teste gratuitamente em: https://www.egestor.com.br