A responsabilidade social é um assunto que tem ganhado cada vez mais espaço nos temas discutidos pela sociedade atual. Uma pesquisa divulgada pelo Governo Federal mostrou que os brasileiros estão mais conscientes de sua responsabilidade social.

Porém, as empresas menores ainda têm dificuldade em identificar as ações que se encaixam em sua capacidade. As ações de responsabilidade social para pequenas empresas podem ser um pouco diferentes.

Para ajudar nessa missão, separamos 5 dicas de ações de responsabilidade social totalmente viáveis para esse tipo de empresa. Confira!

O que é uma ação de responsabilidade social?

Antes de mostrar as dicas de ações de responsabilidade social para pequenas empresas é importante esclarecer o que é uma ação de responsabilidade social.

A responsabilidade social acontece quando uma empresa, de forma voluntária, decide adotar posturas, comportamentos ou promover ações em benefício de seu público interno ou externo.

No público interno estão inseridos funcionários e acionistas e no público externo estão a comunidade próxima à empresa, clientes, parceiros e até mesmo o meio ambiente como um todo.

É importante frisar que as ações de responsabilidade sociais nem sempre terão alguma isenção de impostos ou obrigatoriedade legal para serem executadas. Elas podem e devem ser realizadas independentemente de algum desconto fiscal ou qualquer benefício financeiro.

Como fazer ações de responsabilidade social para pequenas empresas?

Agora que você já sabe o que é uma ação de responsabilidade social, vamos dar 5 dicas do que você pode fazer mesmo tendo uma empresa pequena. Vamos lá?

1. Boas práticas de responsabilidade ambiental

A responsabilidade ambiental é uma das vertentes da responsabilidade social que pode ser aplicada em empresas de todos os tamanhos.

Algumas ações ambientais podem gerar custos elevados de implantação, como obras para a troca de torneiras para as automáticas, construção de claraboias para melhor aproveitamento da luz natural e até mesmo instalação de placas solares para captação de energia.

Se a sua empresa não tem capital para realizar grandes obras de adaptação, algumas atitudes simples podem fazer muita diferença para o meio ambiente:

  • elimine o uso de copos descartáveis nos bebedouros, incentivando cada funcionário a ter a sua caneca ou garrafinha;

  • elimine a obrigatoriedade de impressões que não sejam legalmente necessárias;

  • reutilize folhas de rascunho para fazer bloquinhos;

  • incentive o consumo consciente da água;

  • troque as lâmpadas pelas mais econômicas e evite acendê-las desnecessariamente;

  • faça a separação do lixo reciclável.

2. Atividades recreativas para a comunidade

As atividades recreativas são excelentes formas de levar benefícios à comunidade na qual a empresa está inserida.

Uma boa estratégia é aproveitar datas especiais para realizar esse tipo de ação. A mais usada pelas empresas é o dia das crianças, em que as “Ruas de Lazer” fazem bastante sucesso entre os pequenos.

Outro tipo de ação bastante comum são aquelas que promovem a saúde e a cidadania. Este tipo de ação conta com o oferecimento de serviços como aferição de pressão arterial, exames preliminares, tais como o de vista e de glicose, serviços de beleza e muitos outros.

Alguns serviços mais específicos, como a confecção de documentos de identificação, podem ser oferecidos caso a empresa consiga uma parceria com algum órgão governamental que ofereça esse tipo de serviço.

Parcerias podem ser feitas com outras empresas da região para diluição dos custos da ação.

3. Montagem de um cantinho de leitura na empresa

A montagem de um local específico para leitura para os funcionários pode trazer inúmeras vantagens tanto para a empresa, quanto para os próprios funcionários.

O incentivo à leitura é uma ação que promove o crescimento intelectual dos colaboradores e, por consequência, da empresa como um todo.

Para implementar um espaço de leitura é necessário ter um cômodo bem iluminado onde seja possível colocar os materiais de leitura e mesas e cadeiras para as pessoas ficarem confortáveis. O ideal é que seja um lugar calmo, sem muito ruído.

Para arrecadar os materiais, a empresa pode promover uma campanha de doação de livros, revistas e jornais.

Para incentivar o hábito de leitura, ela pode também oferecer incentivos simples, tais como destaque no mural da empresa como o leitor do mês ou trocar horas de leitura por horas de folga.

4. Fazer doações a instituições sociais

As instituições sociais estão sempre precisando de alguma ajuda. As doações podem ser financeiras e contar até com benefícios fiscais, em alguns casos. Mas, não necessariamente.

Uma instituição social que atende crianças em situação de vulnerabilidade social, por exemplo, pode estar precisando de roupas e brinquedos, principalmente em épocas como a páscoa, o dia das crianças e o natal.

Outro motivador importante de doações são os fatores climáticos. No início do período de frio, muitas famílias necessitam de agasalhos e cobertores.

Em período de muita chuva, as enchentes, deslizamentos e danos materiais causados pelos temporais deixam muitas pessoas desabrigadas e sem ter o que comer ou vestir.

A empresa pode lançar uma campanha de doação entre seus funcionários e até mesmo junto à comunidade para arrecadar as doações e realizar a entrega em uma instituição social responsável.

5. Promover visitas a casas de acolhimento de crianças e idosos

Orfanatos e asilos são exemplos de lugares onde uma visita pode fazer um bem tão grande quanto uma doação (em alguns casos até maior).

As pessoas que vivem nesse tipo de instituição são muito carentes de atenção e carinho, pois a maioria não recebe visitas frequentes de seus familiares.

Passar uma tarde brincando com uma criança ou conversando e ouvindo as histórias de um idoso pode fazer um bem muito grande não só para quem está sendo visitado, mas também para quem está fazendo a visita.

A empresa pode organizar grupos de visitações periódicas às instituições, levando funcionários e pessoas da comunidade para participarem.

Fazer o bem para o meio ambiente e para a sociedade independe do tamanho da empresa. Como vimos neste artigo, é possível fazer muitas coisas mesmo com orçamento limitado.

Se você gostou das nossas 5 dicas de ações sociais para pequenas empresas, compartilhe este post em suas redes sociais para que mais pessoas possam colocá-las em prática!

Escrito por eGestor
O eGestor é um software online para gestão de micro e pequenas empresas. Teste gratuitamente em: https://www.egestor.com.br