Tipos de certificados digitais: qual o melhor para sua empresa?

Existem diversos tipos de notas fiscais eletrônicas que podem e devem ser utilizadas por quem vende produtos e serviços. Entretanto, pode ser difícil manter a segurança de dados do negócio se o processo é feito de forma online. Para isso servem os certificados digitais.

Eles possuem vários tipos e cada um tem suas especificações. Confira mais sobre eles aqui!

O que é um certificado digital

O certificado digital é uma forma de assinatura online. Para garantir a segurança da sua empresa nos meios digitais, é necessário ter algum comprovante. Dessa forma, surgiu o certificado digital.

Ele garante que quem está emitindo a nota, por exemplo, realmente é a empresa. Sem ele, qualquer pessoa poderia emitir uma nota em nome de outra, sem nenhum tipo de comprovação. 

É possível dizer que eles são uma identidade virtual. Assim, eles trazem maior segurança e facilidade para a empresa. Essa segurança se dá porque eles também protegem os dados contra fraudes. 

Como funciona um certificado digital

Mas como garantir toda essa segurança? Por meio da criptografia!

Todo o processo do certificado digital é muito complexo. Além da criptografia, o certificado digital é dividido em duas chaves. Uma dessas chaves é privada, de propriedade da empresa e a outra é pública. Elas são geradas aleatoriamente, sendo impossível de replicar. 

Assim, quando o certificado é utilizado, ou seja, quando se assina algo com a chave privada, a chave privada confere os dados. 

Para guardar a chave, existem vários tipos de dispositivos. Esses dispositivos são os tipos de certificados digitais. Eles podem ser guardados tanto na nuvem, como em dispositivos, como o token ou um smart card.

Tipos de certificados digitais

Ao contratar um certificado digital para sua empresa, é preciso ficar atento a qual tipo de certificado digital melhor se encaixa com as necessidades da mesma.

Tipo de certificado digital A – Assinatura digital

O tipo de certificado digital A é um dos mais comuns. Ele pode autenticar qualquer documento eletrônico. Dessa forma, o documento tem validade jurídica. 

Esse tipo de certificado pode ser instalado em mais de um computador, tornando mais fácil o seu processo. Por isso, ele normalmente é utilizado por quem precisa enviar documentos digitais assinados ou quem tem um volume alto de documentos.

A série A de certificados possui quatro tipos. São eles o A1, A2, A3 e A4. Eles são utilizados para assinatura de e-mails, VPNs e documentos que necessitam verificação. Entretanto, os modelos A1 e A3 são os mais utilizados.

Tipo de certificado digital A1

O tipo de certificado digital A1 pode ser armazenado tanto no navegador como na nuvem. Isso significa que podem ser feitas cópias de segurança e sucessivamente a instalação em outros computadores. Também, ele tem validade de 1 ano.

Tipo de certificado digital A3

Diferente do certificado A1, o A3 é armazenado em uma mídia física. Essa mídia pode ser um token ou um smart card. Então, é importante que o dispositivo que será utilizado tenha um leitor.

Esse tipo de certificado possui uma senha para uso, aumentando ainda mais sua segurança. Ele também tem validade de 3 anos.

Tipo de certificado digital S – certificado de sigilo

Como o nome já implica, o modelo S de certificado digital é utilizado para um documento sigiloso, por exemplo. Ele pode também ser utilizado para criptografar e-mails e outros. Dessa forma, somente quem possui o certificado autorizado pode visualizar o documento. 

Esse tipo de certificado evita o vazamento de informação, trazendo mais proteção a seus usuários. Assim, fica muito mais seguro transmitir informações na rede, principalmente as sigilosas.

Tipo de certificado digital T – certificado de tempo

O certificado digital modelo T é uma forma de impressão de tempo. O intuito do mesmo é comprovar a data de emissão do documento. 

Como esses dados podem ser modificados de forma simples, o certificado digital protege essa informação e dá validade jurídica ao documento. 

Ele também pode contar com outras formas de proteção proporcionadas pelos outros tipos de certificado digital.

Tipo de certificado digital e-CPF

Não só empresas precisar autenticar assinaturas, pessoas físicas também tem de fazer esse processo. Com um e-CPF é possível assinar documentos de forma digital, com toda a segurança. Isso, porque ele utiliza o mesmo tipo de criptografia que os tipos de certificado digital A.

Tipo de certificado digital e-CNPJ

Com a mesma função que o e-CPF, o e-CNPJ identifica a pessoa jurídica. Diferente do certificado digital A1 e A3, ele não é utilizado para emitir documentos, mas pode autenticar procurações e fechar contratos, por exemplo.

O tipo de certificado digital e-CNPJ é tanto armazenado como emitido utilizando os tipos A1 E A3.

Tipo de certificado digital CF-e-SAT

Utilizado apenas pelo Sistema de Autenticação e Transmissão do Cupom Fiscal Eletrônico – SAT-CF-e, esse tipo de certificado digital é regulamentado pelo CONFAZ.

Vantagens do certificado digital

Um certificado digital permite que os processos de emissão de notas e assinatura de documentos sejam facilitados. Mas não apenas facilitados, eles garantem total segurança desse processo.

A partir do uso de um certificado digital, se tem uma garantia que a empresa são sofrerá golpes. Além disso, diminui a burocracia do processo e em alguns casos é possível enviar e receber os documentos de qualquer lugar.

Nota fiscal eletrônica

Para realizar todo o processo de emissão de uma nota fiscal são necessários autorizações, documentos e dados, mas o mais importante é o certificado digital. Sem ele, seria possível emitir uma nota fiscal em nome de qualquer empresa, facilitando a possibilidade de fraudes. 

Os tipos de certificados utilizados para emitir uma nota fiscal eletrônica são o A1 e o A3. Eles podem ser utilizados para emitir as notas:

  • NF-e, que é a  nota fiscal eletrônica;
  • NFC-e, que é a nota fiscal de consumidor eletrônica;
  • NFS-e, que é a nota fiscal de serviço eletrônica;
  • CT-e, que é o conhecimento de transporte eletrônico e;
  • NFA-e, que é a nota fiscal avulsa eletrônica.

Considerações finais

O tipo de certificado digital escolhido por uma empresa deve ser bem analisado. Nos casos de dúvida quanto aos certificados A1 e A3, por exemplo, é preciso entender qual será mais vantajoso para o negócio.

Além disso, também devem ser considerados valores, uma vez que o certificado digital não é gratuito.

Teste o eGestor gratuitamente por 15 dias!

eGestor - Software online de gestão empresarial para pequenas empresas - Tipos de certificados digitais

Escrito por eGestor
O eGestor é um software online para gestão de micro e pequenas empresas. Teste gratuitamente em: https://www.egestor.com.br