Vender em marketplace

O Marketplace é atualmente um mecanismo de venda muito promissor para pequenos, médios e grandes empresários. Essa ferramenta dispõe de muitas vantagens e garante um bom retorno financeiro, e na maioria das vezes, requer baixos investimentos.

Mas, você sabe de fato o que são os Marketplaces? Primeiramente, o Marketplace faz parte do e-commerce. E um e-commerce é um sistema de vendas via internet.

No entanto, apesar de ser comparada a uma loja virtual, essa ferramenta vai além. Enquanto um marketplace possui vários vendedores em uma única plataforma, as lojas eletrônicas pertencem exclusivamente a uma determinada empresa/site.

No Marketplace os vendedores oferecem seus próprios produtos e realizando vendas simultaneamente. Neste caso, a cada venda feita pelo lojista, há um percentual a ser pago a plataforma de Marketplace, ou seja, uma comissão.

Agora que você já sabe como funciona o Marketplace, que tal aprender as estratégias certas para obter sucesso nessa nova empreitada? Confira as dicas a seguir!

Defina os produtos para venda

O primeiro passo para o sucesso de qualquer venda, seja ela presencial ou online, é a apresentação dos produtos.

É importante que o vendedor agrupe as peças de acordo com as categorias as quais eles pertencem. É essencial também que os itens sejam agrupados de acordo com determinadas características, como preço, cor, estoque disponível etc. Ou, que tenha filtros, para facilitar a busca.

Após escolher as peças, atente-se para preencher adequadamente a descrição de cada peça. Isso equivale ao que chamamos popularmente de “vender o seu peixe”, ou seja, seus diferenciais e qualidades.

Feito isso, fica mais fácil para os clientes acessarem o seu produto de forma mais prática e rápida. Dessa forma se aumentam as chances de fechar o negócio.

Planilha de produtos

Escolha da plataforma

A escolha da melhor plataforma para vendas varia de acordo com o empreendedor, uma vez que cada canal oferece vantagens diferentes. Mas o mais importante: cada uma tem suas exigências legais.

Por exemplo, algumas empresas admitem o cadastro de pessoas físicas, porém, em outros casos, é necessário o cadastro do CNPJ junto à Receita Federal. Portanto, preste atenção às regras de cada plataforma para que você tenha certeza de que ela é ideal para o seu objetivo e condições financeiras.

No Brasil, algumas instituições são referências nesse ramo. Conheça um pouco mais sobre cada uma delas:

Mercado Livre

Esse é o primeiro da lista e não é por menos. O Mercado Livre é o Marketplace mais conhecido e utilizado pelos brasileiros. Mesmo que você nunca usado, provavelmente conhece alguém que já comprou através do site. Ou, até mesmo alguém que comercialize por ele.

Como o próprio nome sugere, as vendas são livres, sendo possível o acesso a milhares de produtos nas mais diferentes categorias. Entre as vantagens do Mercado Livre, podemos citar que o site conta com um sistema mediador de entregas – o Mercado Envios. Também, a plataforma possui um canal integrado responsável pela gestão do pagamento – o Mercado Pago.

Se você busca por uma plataforma que tem um alto tráfego e é bem popular, o Mercado Livre é uma boa opção.

Magazine Luiza

A Magazine Luiza (ou Magalu) é uma empresa do ramo do varejo. Há algum tempo a empresa começou a oferecer oportunidades para pequenos e médios empresários venderem dentro da plataforma. Apesar de a Magazine Luiza ser especialista em eletrodomésticos, nos últimos anos a instituição tem investido em outros setores, como o de tecnologia.

No site da organização, há uma parte dedicada aos varejistas que desejam vender junto da plataforma. A Magazine Luiza também oferece um sistema de envios gratuitos. Juntamente com isso, existe o Magalu Ads, um sistema que promove a página do associado, e consequentemente, eleva o número de acessos à loja personalizada do vendedor.

B2W

A B2W é uma plataforma que permite ao vendedor anunciar seus itens nas Lojas Americanas, Americanas Empresas (compras por pessoas jurídicas), Shoptime e Submarino.

Os shoppings virtuais das lojas da B2W estão entre os mais procurados pelos brasileiros. Eles contando com uma ótima visibilidade e credibilidade perante o público. Para se ter uma ideia, a rede conta com mais de 17 milhões de clientes ativos e mais de 2 bilhões de visitas anuais.

Entre os requisitos para fazer parte da plataforma estão a exigência de CNPJ e uma conta corrente vinculada a esse CNPJ.

Amazon

A Amazon é uma plataforma mais recente no Brasil, mas nem por isso deixa de ter diversos admiradores. Assim como o Mercado Livre, na Amazon também é possível vender produtos seminovos e/ou usados.

Uma das maiores (se não a maior) vantagens dessa plataforma, é que ela é bem conhecida e tem alta credibilidade do público brasileiro. Logo, ao vender por intermédio da Amazon, o cliente sente-se seguro e confiante, dada à qualidade do atendimento e entrega por parte da rede varejista.

Facebook Marketplace

Apesar da popularidade do Facebook, o Marketplace desta plataforma é mais limitado. Isso porque ele não oferece um sistema de compra e vendas diretamente na rede social.

Diferentemente dos outras plataformas, que possuem um sistema de pagamento integrado, o Facebook Marketplace oferece mais oportunidades quanto aos anúncios e trocas de mensagens entre usuários. Ou seja, o processo de pagamento e entrega é feito diretamente fora da plataforma.

Planilha de vendas

Como vender no Marketplace?

Quando se fala em venda online, estamos falando de usuários que estão em busca de comprar um determinado item. Dessa forma, é preciso manter uma página que acolha aos interesses desse cliente e o estimule a fechar uma compra.

Então, caprichar na descrição dos produtos é uma excelente maneira de atrair a atenção dos visitantes. Dispor de boas imagens e vídeos que expliquem as funcionalidades da mercadoria também é válido, tendo em vista que no modo online, não há a possibilidade de o consumidor fazer uma experimentação do produto.

Atente-se também em responder com prontidão às dúvidas e questionamentos dos interessados, pois isso demonstra seu profissionalismo e responsabilidade.

Divulgação e Anúncios

A propaganda é, sem dúvidas, a alma do negócio. Assim, não basta criar a sua loja online e ficar esperando os clientes surgirem. Desse modo, investir em propaganda dos seus produtos é um investimento sempre necessário.

Ferramentas como o Google Ads, são um recurso que garante as melhores posições nas pesquisas do Google, o que aumenta os acessos da sua página de vendas.

Contudo, existem outros instrumentos mais viáveis, como os anúncios feitos nas redes sociais, como o Facebook e o Instagram. Investir em marketing de conteúdo também é uma ótima opção de converter visitantes em clientes.

Integração de plataformas

Quem possui apenas uma loja virtual e deseja ter vendas recorrentes, geralmente precisa redobrar o investimento em outros mecanismos de divulgação para alcançar esse feito.

Todavia, quando se vende através de um Marketplace, essa parte dos anúncios já é bem adiantada. Isso, porque os sites geralmente disponibilizam gratuitamente uma página personalizada para que o lojista/parceiro possa ofertar seus produtos. Essas contam com a credibilidade do site gerenciador (Mercado Livre, Magazine Luiza, Amazon etc.).

Vantagens de vender no Marketplace

De modo geral, vender através de Marketplace oferece diversas vantagens. Entre elas, podemos citar a grande visibilidade que essa ferramenta dispõe e as facilidades nos processos de venda, pagamento e entrega.

A maioria dessas plataformas dispõe de um sistema próprio de gerenciamento e controle dos pagamentos. Ou seja, a parte financeira do seu negócio fica por conta de um sistema financeiro próprio, que realiza todos os procedimentos de recebimentos de valores e, em alguns casos, dos reembolsos, caso necessário.

A parte de entrega e devoluções de produtos também é oferecida pelo sistema do Marketplace, o que facilita bastante a vida dos empreendedores.

Considerações finais

eGestor - Software online de gestão empresarial para pequenas empresas - vender em marketplace

Escrito por eGestor
O eGestor é um software online para gestão de micro e pequenas empresas. Teste gratuitamente em: https://www.egestor.com.br