A organização do controle de estoque pode ser responsável por fazer uma empresa aproveitar ou perder várias oportunidades de negócio. Uma gestão bem estruturada é fundamental para que o empreendimento não fique desabastecido, faça desperdícios ou imobilize seus recursos — situações que diminuem o capital de giro. Por isso uma contagem de estoque é tão importante, já que ela garante o controle dessa estrutura tão fundamental, sobretudo para o varejo. Saiba agora como fazer a contagem de estoque na sua empresa!

Identifique e categorize itens

Os itens devem estar devidamente identificados para que a contagem seja eficiente. Portanto, dividir os produtos em categorias também é altamente recomendado. Normalmente, o estoque é dividido em tipos de produto e, dentro dessa categoria, podem existir diversas subdivisões, como peço ou data de aquisição.

Determine um horário

Fazer o inventário de estoque durante um período com entrada ou saída de produtos é contraprodutivo, já que são grandes as chances de que, após finalizada a contagem, o valor já esteja defasado. Para evitar retrabalhos desse tipo, o ideal é determinar um horário para a contagem em que não haja fluxo de mercadorias, garantindo um levantamento muito mais preciso e eficiente.

Escolha o melhor método

Apesar de o sistema de contagem manual ser muito usado, essa opção demanda tempo e atenção redobrada — até mesmo para estoques menores. Sendo assim, usar um método automático para a contagem de estoque garante um processo mais rápido e com informações confiáveis.

Normalmente esse método inclui a utilização de códigos de barras dos produtos, permitindo que a contagem seja totalmente automatizada. Se a implantação desse sistema não for possível, entretanto, é importante considerar o uso de um sistema para a entrada de dados do estoque e que forneça um panorama. Nesse caso, o sistema de contagem fica parte manual e parte automatizado, permitindo maior controle do seu estoque.

Confira a contagem

Caso a contagem seja feita manualmente, a conferência é indispensável! Mas ela também se faz necessária na contagem eletrônica, já que mesmo de maneira automática podem acontecer erros. O ideal é que a contagem seja feita por 2 ou 3 pessoas diferentes, garantindo maior consistência nos resultados. Valores diferentes ou discrepantes entre si indicam a necessidade de ajuste de resultados e até mesmo de retrabalho.

Mantenha controle

Após a conferência e aprovação dos valores, é importante manter o controle sobre a contagem. As auditorias são boas opções, pois garantem que os números realmente correspondam ao estoque real. Vale lembrar que empresas com grande fluxo de mercadorias precisam realizar a contagem de estoque com maior frequência para garantir que ele não esteja sub ou superdimensionado.

A contagem de estoque é fundamental para a saúde da empresa, já que a imobilização de ativos é tão prejudicial quanto o desabastecimento. Para realizar essa contagem da maneira certa, é preciso identificar e categorizar os itens, definir o melhor horário, escolher um método, realizar conferências da contagem e também manter um controle sobre o processo.

Assista um vídeo do Sebrae sobre controle de estoque

Você tem alguma outra dica imperdível para a contagem de estoque ou está com dúvidas sobre o assunto? Então conte para a gente! Deixe o seu comentário.

Escrito por eGestor
O eGestor é um software online para gestão de micro e pequenas empresas. Teste gratuitamente em http://www.egestor.com.br